Chico Buchinho é empossado como secretário

0

Chico Buchinho: “Não tenha dúvida que é um desafio”
“Guarda a vaga lá viu Magal, porque se não der certo aqui, a gente volta”, brincou o vereador Chico Buchinho (PT), ao ser empossado como secretário de Estado da Articulação Política e Relações Institucionais, em solenidade realizada na manhã desta segunda-feira, 19, no Palácio dos Despachos. Ele referiu-se ao vereador Magal da Pastoral (PT) que assumiu seu lugar na Câmara Municipal de Aracaju. Ainda no discurso, o novo secretário mostrou pra que veio e sem perder tempo fez um relato em defesa das ações do governador Marcelo Déda, citando as obras executadas e os serviços prestados.

Com seu estilo próprio, Chico Buchinho tornou a solenidade uma das mais descontraídas dos últimos tempos, falando de futebol e da sua vida amorosa. “Quero aqui agradecer ao governador

Esposa de Chico (esquerda) e a mãe (direita)
pela homenagem que está fazendo ao Botafogo, nomeando um botafoguense e agradecer as presenças da minha mãe e da minha esposa, dizendo que é possível ser feliz amando apenas uma pessoa”, ressalta arrancando risos principalmente por conta da fama de conquistador.

“Quero estar à altura dos desafios da tarefa que estou assumindo. Obrigado governador. Obrigado Deus”, concluiu.

Papel significante

O governador Marcelo Déda também fez um relato, não de suas ações no Governo, mas do período em que era militante estudantil contando com a participação de Chico Buchinho.

Mesa atenta ao discurso do Chico Buchinho no Palácio dos Despachos
“Chico assume uma secretaria que possui um papel muito significante, cumprindo a tarefa de articular as ações governistas. Chico é um velho companheiro e desde 1979 convivemos, quando estudantes secundaristas no Atheneu, quando disputamos o Centro Cívico. Desde lá, temos uma relação de respeito mútuo. Como secretário, vai contribuir com a sua habilidade, paciência e capacidade de ouvir”, acredita Marcelo Déda.

Conheça o secretário

Francisco dos Santos nasceu em Aquidabã em 1955, onde fez o 1º grau, transferindo-se para Aracaju em 1973, estudando o segundo grau no Colégio Atheneu Sergipense. Licenciou-se em História e fez Pós-graduação DM Ciências Sociais na Universidade Federal de Sergipe. É funcionário concursado do Banese desde 1983 e foi presidente do Sindicato dos Bancários de 1986 a 1989.

Começou suas atividades políticas em 1975 no setor jovem do MDB, foi um dos fundadores do Partido dos Trablhadores, tendo sido presidente do PT de Aquidabã de 1981 a 1982. Coordenou várias campanhas eleitorais, a exemplo de José Eduardo Dutra para governador, em 2002. Trabalhou como assessor parlamentar do deputado estadual Marcelo Déda, de 1987 a 1990 e coordenador do escritório político de Déda, quando deputado federal, de 1995 a 1996, além de ter sido chefe de gabinete de Déda em Brasília, de 1997 a 2000.

Foi presidente da Funcaju na primeira gestão do prefeito Marcelo Déda, de 2001 a 2002 e é vereador de Aracaju desde 2007, estando licenciado desde a última sexta-feira, 16 para assumir a Secretaria de Estado da Articulação Política e Relações Institucionais em lugar do administrador Humberto Costa.

Por Aldaci de Souza

Comentários