Comerciantes de Propriá reclamam das obras da BR 101

0
(Foto: Ascom)

O senador Eduardo Amorim (PSC-SE) participou de uma reunião no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) na manhã desta sexta-feira, 24, em Aracaju. O encontro foi solicitado por comerciantes da cidade Propriá que se sentem incomodados em decorrência das obras da BR-101.

A reunião contou com a participação do diretor-presidente do DNIT, Gustavo Defilippo; do chefe de operações de Engenharia do órgão, Carlos Alberto Sarmento; o prefeito de Propriá, Carlos Américo; o vereador Fernando Brito; e o comerciante Osmar José Morlin.

Os comerciantes locais reclamaram das marcações das obras que estão passando próximas demais do comércio. “Tenho cerca de 60 funcionários e venho tendo prejuízos por causa da obra. Mostramos que ela pode mudar de lado da pista e isso iria ajudar todos os comerciantes”, falou Osmar, que é dono de uma churrascaria.

Solução

O diretor-presidente do DNIT, Gustavo Defilippo, disse que a Prefeitura de Propriá poderia fazer uma reclamação fundamentada para que a empresa responsável possa liberar e fazer a marcação no outro lado da pista. “Agradeço ao senador Eduardo Amorim e vejo viabilidade para que a situação seja resolvida”, afirmou.

O senador Eduardo Amorim afirmou que o gabinete está à disposição do presidente do DNIT para buscar soluções junto ao Ministério dos Transportes. “O que for preciso, estamos prontos para ajudar. Reconhecemos as dificuldades para que a duplicação da BR 101 seja concluída, mas é extremamente urgente sua finalização”, disse o parlamentar.

O comerciante Osmar Morlin afirmou estar agradecido ao senador Eduardo pela colaboração. “Sempre que entramos em contato com o senador, ele nos atendeu com presteza. Mais uma vez o procuramos e ele se disponibilizou a vir até aqui. Gostei muito de ouvir dele na reunião que sempre busca soluções para o coletivo”, agradeceu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais