Diversidade marca composição da Assembléia Legislativa

0

Assembléia Legislativa de Sergipe (Fotos: Arquivo Portal Infonet)
Quando os deputados da 17ª Legislatura da Assembleia Legislativa de Sergipe forem empossados no próximo dia 1º de fevereiro, a população sergipana verá uma Casa ainda mais plural. Além da renovação de quase 40% do Parlamento, com novos deputados e outros que voltam a ter mandato, a Assembleia contará com uma bancada bem diversificada. Políticos representantes de várias regiões do Estado, de diferentes profissões, com experiência na administração públca, seja no Legislativo ou Executivo municipal, e de diferentes idades irão ocupar as 24 cadeiras da Assembleia Legislativa.

Nessa legislatura, o Parlamento terá uma bancada legislativa relativamente jovem. A média de idade dos deputados estaduais de Sergipe é de 49,5 anos. O mais jovem entre os parlamentares é o novato Gustinho Ribeiro (PV). Com apenas 28 anos, o deputado chega à Assembleia para seu primeiro mandato com

Jovens integram a bancada
a experiência de já ter passado pelo legislativo municipal na cidade de Lagarto, onde foi eleito vereador em 2009. O parlamentar é também um dos mais novos entre os eleitos pelo PV em todo país, em 3 de outubro.

A bancada dos deputados com até 30 anos conta ainda com outros dois deputados: Paulinho da Varzinhas (PTdoB), 29 anos, que assume agora o seu segundo mandato, e o deputado eleito Jeferson Andrade (PDT), 30 anos, que chega ao Parlamento com o desafio de manter a tradição política da família, que, nas últimas legislaturas, teve como representante na casa o ex-deputado e ex-presidente Ulices Andrade.

Experiência política

Se por um lado a renovação será uma das características da 17ª Legislatura da Assembleia Legislativa, a experiência também terá sua vez nos próximos quatro anos na casa do povo de Sergipe. No dia 1º de fevereiro, três deputados estarão assumindo seu quinto mandato na AL: Luiz Mitidieri (PSDB), Susana Azevedo (PSC) e Venâncio Fonseca (PP). Mitidieri chegou à Casa para seu primeiro mandato em 1991 e foi reeleito em 1995. Em 2003 ficou na suplência. Retornou à Assembleia em 2005, foi eleito em 2007 e reeleito em outubro último para este mandato.

O líder da bancada de oposição na Assembleia, deputado estadual Venâncio Fonseca, também assumiu seu primeiro mandato em 1991, tendo sido reeleito em 1995. Voltou à Casa em 2003 e reconduzido nas duas eleições seguintes. Nesse período, sempre ocupou cargos de relevância na Assembleia, entre eles a Presidência e a 1ª Secretaria da Mesa Diretora e a liderança de bancada.

Já a deputada Susana Azevedo assumiu pela primeira vez a função de deputada em 1995 e desde então tem sido reeleita sucessivamente. Em seus mandatos manteve uma atuação voltada para a defesa dos interesses da sociedade, em especial os servidores públicos e trabalhadores em geral, além de participar das comissões temáticas da Casa.

Vários parlamentares agora em 2011 estarão assumindo seu quarto mandato legislativo. Entre eles, a presidente da Casa, a deputada estadual Angélica Guimarães (PSC), que durante sua trajetória legislativa ocupou importantes funções na Assembleia, como a vice-presidência e a 2ª secretaria da Mesa Diretora, além de liderança do partido.

Também está em seu quarto mandato a deputada eleita Maria Mendonça (PSDB), que já havia passado pela Casa nas legislaturas de 1995, 1999 e 2003, quando se afastou para administrar a prefeitura do município de Itabaiana. Os deputados Garibalde Mendonça (PMDB) e Augusto Bezerra (DEM) seguem também para o quarto mandato.

Assumem o terceiro mandato parlamentar os deputados Francisco Gualberto (PT), líder da bancada do governo na Casa, Ana Lúcia (PT), Arnaldo Bispo (DEM), Adelson Barreto (PSB) e Raimundo Lima Vieira (PSL), o Mundinho da Comase, que retorna à Assembleia, depois de ter ocupado mandato nas legislaturas de 1994 e 1998. Já os parlamentares Conceição Vieira (PT) e Zeca da Silva (PSC) assumem em 1º de fevereiro seu segundo mandato legislativo, sendo que este último irá se licenciar para assumir a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sedetec).

Na 17ª Legislatura da Assembleia Legislativa de Sergipe, o deputado estadual Antônio dos Santos (PSC) assume seu segundo mandato como titular. Ele foi eleito pela primeira vez em 2003. No ano de 2007 ficou na condição de suplente até assumir a vaga deixada pelo então deputado César Mandarino, eleito prefeito do município de Itaporanga d’Ajuda. No último dia 3 de outubro foi reconduzido à Casa, desta vez como titular. Já a deputada Goretti Reis (DEM) será empossada em 1º de fevereiro seu primeiro mandato como titular, depois de ter assumido a suplência com a saída do então deputado Valmir Monteiro, que foi para a prefeitura de Lagarto.

Fonte: Agência Alese

 

Comentários