É gravíssimo o quadro do mercado de trabalho, diz presidente da OAB

0
O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, participou de evento na OAB/SE

Durante participação na Conferência Estadual da Jovem Advocacia, que ocorreu na noite desta quinta-feira, 15, em Aracaju, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), criticou a proliferação das faculdades de direito no Brasil.

O advogado considerou a situação do mercado de trabalho gravíssima e disse que é preciso um planejamento por parte do Ministério da Educação (MEC). “É gravíssimo o quadro no mercado de trabalho. Temos mais de 1600 faculdades de direito no Brasil e o dobro de advogados percapita dos Estados Unidos. É preciso um planejamento do MEC em relação ao futuro do mercado de trabalho. Até porque essas faculdades são privadas e as pessoas pagam com muito sacrifício. É muito triste que se faça isso sem planejamento, gerando um estelionato eleitoral. Infelizmente, essa é a realidade do país”.

Felipe Santa Cruz também falou sobre as fake news envolvendo a OAB. “Há uma negativa permanente do papel da OAB, mas isso por incrível que pareça, contraditoriamente ou não, tem fortalecido a ordem. Nos últimos meses, a imprensa sério do nosso país tem um olhar acurado sobre o papel da ordem. Além disso, a ordem está no debate das pessoas como poucas vezes esteve nos últimos tempos. Ja dizia Rui Barbosa, que tempos de paz, o advogado não tem importância, mas quando o espírito autoritário cresce, a advocacia cresce também”.

O presidente da OAB acrescentou que também encerrou a discussões envolvendo a declaração do presidente Jair Bolsonaro o desaparecimento do seu pai, Fernando Augusto Santa Cruz. “É um episódio que já fechei na minha cabeça. Acho que importante não deixarmos reabrir uma discussão tão ultrapassada. Todos sabemos o valor e o custo da democracia e como ela deve ser preservada e abraçada por nós em nosso cotidiano”.

por Verlane Estácio

Comentários