Max Prejuízo critica aumento de tarifa sem licitação

0

Max Prejuízo (Foto: Divulgação assessoria)

O vereador Max Prejuízo (PSB), fazendo uso da Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), na tarde desta terça-feira (2/4), durante o Pequeno Expediente, reafirmou a sua posição contrária ao aumento da tarifa de ônibus, cuja responsabilidade foi passada à CMA pelo prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM).

O parlamentar entende que esta responsabilidade, da CMA avaliar o valor do reajuste, já deveria ter acontecido anteriormente.

"A Câmara deve estudar a planilha de custos, mas, principalmente, questionar o porquê do reajuste do transporte público. Questionar se há sentido haver o aumento da passagem sem que haja a licitação. Como é que esta Casa vai se pronunciar sem a licitação, com os usuários sendo diariamente desrespeitados com o péssimo serviço ofertado?", ponderou o vereador.

Fonte: Assessoria Parlamentar

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais