Moradores do Jardim recreio cobram atenção da Prefeitura de Aracaju

0

Padre Francisco: “O povo está sofrendo” (Fotos: Alberto Dutra)
A Tribuna Livre da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) desta segunda-feira, 23,  foi ocupada por representantes da comunidade do bairro Santa Maria, localizado na zona Norte de Aracaju. O espaço foi solicitado pelo vereador Jailton Santana (PSC), atendendo aos pedidos de moradores da localidade, para falar sobre os problemas que afetam o bairro.

Na ocasião, o presidente da Associação de Moradores do Jardim Recreio, José Américo, expôs a situação no bairro. “Moro há 23 anos e nunca vi benefício nenhum. A comunidade quer uma resposta de quando a obra iniciada vai ser concluída”, reclamou. O representante disse ainda que fica triste ao ver crianças e adultos serem acometidas por diversas doenças devido a falta de saneamento básico.

Jailton Santana: É inadimissível a situação das ruas”
O padre da comunidade, Francisco, disse que os problemas já são conhecidos por todos, mas que é preciso reforçar. “O que observo é que o povo está sofrendo e a situação só piora quando chove. Padre Franscisco pediu sensibilidade por parte do poder público, quanto as questões do bairro Santa Maria.

Já a moradora do loteamento do Jardim Recreio, Maria Aparecida, afirmou que é obrigada a conviver em com ratos, baratas e cachorros mortos por causa da falta de infraestrutura. “Não temos segurança e nem as ambulâncias conseguem chegar lá, pois as ruas estão cheias de lama”, completou Josafá Santos, outro morador. A comerciante

Moritos Matos: “Solução não depende dos vereadores, mas da prefeitura”
do local, Lisenildes Ferreira pediu para os vereadores visitarem o local para constatarem a realidade dos fatos.

Os parlamentares presentes apoiaram as reivindicações da comunidade e se dispuseram mais uma vez em ajudar os moradores do Santa Maria. O vereador Moritos Matos (PDT) ressaltou que a solução para esse problema não depende mais dos vereadores, e sim da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). Jailton Santana, que esteve recentemente na comunidade, disse que inadimissível o estado em que as ruas estão.

Já o presidente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), Emmanuel Nascimento (PT), afirmou que a população está correta em fazer reivindicações mas que não pode dizer que a PMA não fez nada por esse bairro. “Antes  não tinha nem escolas, nem

Emmanuel: “A prefeitura tem trabalhado. Antes não tinha escola”
postos de saúde, agora tem. Essa administração tem trabalhado nessa região”, ressaltou.

Os vereadores demistas da Casa, Nitinho e Juvêncio Oliveira, reclamaram da demora para as obras serem concluídas. “A questão do Santa Maria vem se arrastando há anos com promessas que não são cumpridas”, criticou. Juvêncio completou afirmando que o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) não tem colaborado com essas pessoas.

A vereadora Rosângela Santana (PT) apesar de discordar dos dois quanto ao compromisso da PMA, acredita que o problema começou com a formação desordenada da comunidade, através de barracos erguidos desordenadamente e ruas sem estrutura. Na opinião de Fábio Mitidieri (PDT), é preciso reforçar a cobrança ao prefeito.

Fonte: Ascom Cmaju

Comentários