Morre ex-presidente do TJSE Epaminondas Silva de Andrade

0

Epaminondas Silva (Foto: César de Oliveira)

Morreu na madrugada deste sábado (28), aos 77 anos, o ex-Presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe o Desembargador aposentado Epaminondas Silva de Andrade Lima.  Epaminondas foi presidente do TJ-SE no período de 1997 a 1999. Seu corpo está sendo velado no hall do Anexo I do Palácio da Justiça, na rua de Pacatuba. O sepultamento acontecerá neste domingo, dia 29, às 11h, no Cemitério Colina da Saudade.

Trajetória de vida

Epaminondas Silva de Andrade Lima, filho do também Desembargador João Bosco de Andrade Lima e Dulce Silva de Andrade Lima, nasceu no dia seis de novembro de 1935, no município de Estância, e bacharelou-se pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco, em 1958.

Epaminondas Silva de Andrade Lima assumiu, em fevereiro de 1955, ainda como estudante de Direito o posto de Promotor Público da Comarca de São Cristóvão, atuando em seguida na Comarca de Lagarto (1955). Quatro anos depois da sua colação de grau em Direito foi aprovado em concurso público e nomeado Promotor de Justiça da Comarca de Riachão do Dantas, em julho de 1962. A partir daquele mesmo ano exerceu as funções de membro do Conselho Penitenciário do Estado de Sergipe.

A carreira de magistrado teve início em maio de 1963, quando tomou posse como Juiz de Direito de Primeira Entrância da Comarca de Arauá. Homem de fortes convicções religiosas, ele buscou sempre, do ponto de vista filosófico, associar a sua prática de magistrado, aplicando a lei e observando os fundamentos do Cristianismo, conforme declarou em entrevista que concedeu à revista Judiciarium, em fevereiro de 1997:

"Não sou um homem pessimista ou derrotista, mesmo porque sou cristão e acredito na ressurreição de Jesus Cristo. Acredito nas pessoas, nas instituições. Espero dos primeiros a contribuição para podermos, juntos viabilizar as segundas. A democracia, regime político que nos abriga deve ser inerente também ao Poder Judiciário."

Um ano depois de haver iniciado a sua atuação como magistrado, trabalhou na Comarca de São Cristóvão (1964), onde foi promovido a Juiz de Direito de Segunda Entrância. No ano de 1974 foi removido para a Comarca de Aracaju, onde atuou na 

Terceira Vara Criminal, na Nona Vara Cível (1980) e na Sétima Vara Cível (1984).
A posse no cargo de Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe ocorreu em 1989. Dois anos depois, em 1991, ele foi eleito Vice-Presidente do Poder Judiciário. Presidiu o Judiciário sergipano no biênio 1997-1999 e também foi Presidente do Tribunal Regional Eleitoral (2001).

Fonte: Ascom TJSE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais