Parlamentar pede que PMA explique a população o Plano Diretor

0
(Foto: Assessoria de Imprensa)

Durante a sessão da Câmara Municipal de Aracaju, desta terça-feira, 14 de setembro, o vereador Ricardo Marques (Cidadania), usou o seu espaço no Pequeno Expediente para reforçar a importância de um dos assuntos mais relevantes para a construção da verdadeira cidade do futuro, o Plano Diretor de Aracaju que será discutido e votado pelos parlamentares ainda neste ano.

“Mais do que nunca precisamos ouvir a população, olhando atentamente os problemas da cidade do presente, para verdadeiramente construirmos a cidade do futuro, cidade essa que não é minha, nem de nenhum dos meus colegas, mas dos nossos filhos e netos que irão viver em Aracaju pelas próximas décadas”, argumentou.

Ricardo listou algumas sugestões para que a Prefeitura de Aracaju coloque em prática dando espaço e incentivando que a população entenda a importância do Plano Diretor e participe de forma mais ativa.

“Sugiro iniciar uma campanha informativa sobre o que é Plano Diretor, de mobilidade e como ele é importante para o desenvolvimento da cidade. É importante também a divulgação de forma antecipada do calendário das audiências públicas e ver a possibilidade de ampliar as localidades para alcançarmos o maior número de bairros possíveis”, explica.

Ricardo disse ainda que a Comissão de Obras da Câmara deve priorizar este tema que é tão importante. “Sou membro atuante desta equipe mas quero que a comissão seja protagonista desta discussão, que esse Projeto de Lei não tenha seu parecer discutido em sessão de votação como ocorreu com os projetos anteriores enviados pelo prefeito a essa Casa, a exemplo dos empréstimos para obras e da criação de bairros na zona de expansão”, defende.

O motivo principal desse meu discurso é que nós vereadores que ocupamos essa posição até 2024 teremos em mãos uma oportunidade singular, única e invejada por muitos outros vereadores que nos precederam, está em nossas mãos construir a verdadeira cidade do futuro, mas para isso precisamos da ajuda da população que precisa ser ouvida e da participação de todos os vereadores dessa augusta casa.

“Em conclusão, não conheço e tão pouco entendo de tudo, mas estou disposto a estudar, aprender, consultar os mestres urbanistas e arquitetos de nossa cidade para fazermos diferente e fazermos a diferença nesse novo Plano Diretor”, finaliza.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais