Ponte entre Tobias Barreto e Itapicuru é liberada

0
Ponte vem sendo recuperada pelo Seinfra e pelo DER (Foto: Jorge Reis)

Os moradores de Tobias Barreto e da cidade baiana Itapicuru já circulam pela ponte sobre o Rio Real. A passagem foi liberada no último sábado, 15, para pedestres, motociclistas e bicicletas. Orçados em R$ 644 mil reais, os serviços de recuperação da ponte estão sendo executados pelo Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra) e o Departamento de Estradas e Rodagens (DER/SE) e serão concluídos nas próximas quatro semanas.

Situada na BR 349, precisamente na divisa entre os dois estados, a ponte tem 48 metros de extensão e nove metros de largura, foi construída há cinco décadas e nunca passou por nenhum tipo de reforma. Sua estrutura apresentava diversos buracos e rachaduras, o que colocava em risco a vida de centenas de pessoas que por ela transitam.
Para o Diretor-Presidente do DER, Antônio Vasconcelos, a obra é de grande importância, para Tobias Barreto, pelo potencial comercial de suas confecções, além de servir como principal acesso aos trabalhadores locais. “A obra é de vital importância para as regiões próximas a Tobias Barreto e Itapicuru, por ser a única alternativa de ligação dos dois estados na região e interliga duas importantes rodovias dos estados de Sergipe e Bahia”, classificou.

Nova estrutura   

De acordo com o Secretário de Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano, Valmor Barbosa, aos poucos o tráfego está voltando a sua normalidade. “Foram executados a substituição de toda a ferragem, recuperação das transversais dos vigamentos e reconstrução da laje, o que deu a ela uma nova estrutura. Construímos uma passarela a fim de que os pedestres e ciclistas já possam transitar, ficando o desvio construído nas imediações destinado apenas para o trafego de motocicletas e veículos de médio e grande porte”, explica.

Valmor Barbosa diz ainda que após a cura do concreto, serão executados os serviços finais. “Iniciaremos a construção das calçadas destinadas aos pedestres e ciclistas em ambos os lados, bem como a instalação do guarda-corpo. Posteriormente, será aplicado o contra piso, feito o acabamento da laje, para só então asfaltar e sinalizar”, detalha.

O secretário ressalta o compromisso do Governo de Sergipe em garantir a segurança da população. “O governador Jackson Barreto se mostrou sensível à necessidade dos moradores e ignorou o fato do Governo da Bahia se manter neutro durante as inúmeras tentativas de negociação para dividir os custos da intervenção, decidindo assumir sozinho a responsabilidade em executar a reforma, o que demonstra o compromisso em assegurar a mobilidade urbana na região”, frisa.

Os serviços que foram executados vão garantir uma estrutura mais durável para a ponte. Foi realizada a recuperação estrutural das vigas, a reconstrução da laje, das calçadas e guarda corpo. Cerca de 30 homens trabalham na obra no período de 90 dias. A obra tem extensão total de 48 metros, com largura de 7,20 metros.

Fonte: ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais