Servidores de Laranjeiras estão sem receber salários

0

Foto: Arquivo Portal Infonet

Os funcionários de algumas secretarias da Prefeitura Municipal de Laranjeiras estão sem receber o salário de dezembro. A afirmação é do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Laranjeiras (Sintram), Zé Nelson Madureira, que já entrou com uma ação no Ministério Público Estadual (MPE).

Segundo o presidente do sindicato, os servidores receberam nesta sexta-feira, 11, uma parcela do salário de janeiro. “O pagamento de dezembro não saiu. Esta antecipação do salário de dezembro não resolve o problema do servidor que só vai acumular as dívidas dos dois meses”, afirma Zé Nelson.

A informação do Sitram é que apenas as secretarias de Finança, Jurídico e parte dos professores receberam os salários de dezembro. “Não sei por qual motivo todos os professores não foram pagos porque é o recurso vem do Governo Federal”, diz.

Um funcionário, que não quis se identificar, conta que as secretarias estão vazia, pois os funcionários que não foram pagos não estão indo trabalhar. “Muitos nem estão vindo por falta de condições. As contas estão todas atrasadas, e só a parcela de janeiro não resolve a situação”, reclama.

Ainda segundo o funcionário, foi depositado para quem recebe um salário mínimo o valor de R$ 311. “Alguns ficaram com saldo de R$ 50 por causa dos empréstimos com o banco, que descontou tudo. E as outras contas de dezembro como ficam?”, questiona.

Prefeitura

A assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Laranjeiras informou  que o prefeito José de Araújo Leite Neto disponibilizou hoje o pagamento de 50% do salário de janeiro aos servidores efetivos, sendo que alguns já receberam o salário de dezembro. Ainda ressaltou que a partir da próxima semana toda receita de recurso do município será destinada ao pagamento dos servidores.

Por Adriana Freitas e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais