SSP não devolverá antigos servidores do IML

0
Capitão Samuel: pedido de vista (Foto: Cássia Santana/Portal Infonet)

Foi retirado de pauta de votação na Assembleia Legislativa o projeto de lei encaminhado pelo Governo do Estado propondo a estruturação da carreira de peritos e estabelecendo concurso público para a perícia técnica em Sergipe. A tramitação do projeto foi interrompida na Comissão de Comissão e Justiça (CCJ) do Legislativo Estadual em função de pedido de vista do deputado capitão Samuel Barreto. “Eu e o deputado Zeca da Silva pedimos vista para discutir o projeto com os servidores”, informou o Capitão Samuel.

Os servidores do Instituto Médico Legal (IML) estão preocupados com os efeitos da futura legislação. Eles acenam para a possibilidade de devolução para as secretarias de origem de todos os servidores cedidos para exercer a função de peritos. Ocorrendo esta possibilidade, na ótica dos servidores, o pessoal que exerce a atividade há vários anos serão penalizados e perderão direitos trabalhistas.

Mas o diretor da Coordenadoria Geral de Perícia (Cogerp) da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Adelino Lisboa, tranquiliza todos os servidores, descartando ambas as possibilidades. “Não há documento assinado pela secretaria de que estes servidores serão devolvidos e gratificação só se retira com inquérito administrativo”, comenta o diretor. Para Lisboa, os servidores do IML estão gerando um clima de terrorismo para barrar o concurso público, manobra que os servidores negam.

O Capitão Samuel garante que a tramitação só será normalizada na Assembleia quando o projeto for amplamente debatido com os servidores e aprimorado para não prejudicar os antigos servidores.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais