Suspeito é preso acusado de tentar entrar em local de votação

0
Coronel Paiva descarta intenção de tumultuar a eleição (Foto: arquivo Portal Infonet)

O clima em Sergipe, neste segundo turno, está tranquilo, segundo avaliação do coronel Paulo César Paiva, coordenador da operação especial realizada pela Polícia Militar neste domingo, 28. Apenas uma pessoa foi presa, um homem aparentemente drogado que teria tentado entrar na sede da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), em Aquidabã, na noite do sábado, 27, preparada para funcionar como um dos locais de votação no município.

Apesar da equipe do Corpo de Bombeiros, que está atuando no local para preservar a segurança das urnas eletrônicas e garantir tranquilidade nas eleições, interpretar como invasão a local de votação no momento da prisão, o coronel Paiva descarta que esta atitude individual do acusado esteja relacionada com crime eleitoral. “Parece que a intenção não seria causar transtornos à eleição”, destacou o coronel.

Aparentemente, conforme observa o coronel, o rapaz seria usuário de drogas ou teria algum problema mental. O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Propriá.

Até o momento, segundo o coronel Paiva, esta foi a única ocorrência. Sergipe contará com um efetivo de 3.200 policiais militares trabalhando em todo o Estado, com suporte do Corpo de Bombeiros e Polícia Civil. Os policiais foram deslocados para o interior do Estado no sábado, 27, onde permanecem apostos.

Por Cassia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais