Vereador defende pacto entre Estado e Municípios

0
(Foto: Divulgação/Assessoria)

Através das redes sociais, o vereador Max Prejuízo (PSB) disse que o caos que se instalou na cidade desde esta quinta-feira, 27, com a paralisação dos rodoviários da empresa Viação Cidade de Aracaju (VCA), que reivindicam o pagamento dos salários atrasados e o ticket alimentação "já era previsto. Tudo era apenas uma questão de tempo. Defendo que Estado e Municípios da Grande Aracaju selem um pacto na busca de entendimento imediato para início do processo licitatório, para a qualidade do transporte público e redução do valor das tarifas", disse Max.

O parlamentar entende que, com a licitação do transporte público, situações como essa não ocorreriam. "As empresas de transporte não cumprem suas obrigações, os funcionários vivem inseguros, e, no final das contas, a população sempre é a mais prejudicada", lamentou ao reafirmar que a licitação do transporte público não é a cura,  mas o ponta pé inicial na solução dos problemas enfrentados.

"Embora não seja a solução de todos os problemas existentes, a licitação envolvendo os Municípios da Grande Aracaju representará um grande avanço, estabelecendo critérios técnicos e garantias de qualidade na prestação dos serviços. Problemas gravíssimos como os que enfrentam agora os funcionários da VCA só ocorrem porque a relação contratual das empresas com o município é precária, baseada numa mera ordem de serviço", concluiu Max Prejuízo.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais