Hospital Universitário reduz cirurgias oncológicas devido à Covid-19

0
Em nota oficial, o HU destacou que mudou o fluxo de realização das cirurgias oncológicas em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19)(Foto: Ascom/HU/UFS)

Muitos pacientes têm reclamado do adiamento ou até mesmo da suspensão de alguns procedimentos oncológicos que vinham sendo realizados pelo Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU/UFS), em Aracaju. Em nota oficial, o HU destacou que mudou o fluxo de realização das cirurgias oncológicas em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Segundo o Hospital Universitário, as internações e realizações de cirurgias foram reduzidas pelo risco da Covid-19 em todos os hospitais do mundo. “No Brasil e em Sergipe não seria diferente. Porém, de 01/03/2020 até 28/05/2020, foram realizados no HU-UFS, 47 procedimentos oncológicos, como preconizam os órgãos reguladores”, destacou o HU.

Ainda segundo a unidade hospitalar, dentro das novas normativas e quantitativos estabelecidos, a decisão e indicação das cirurgias no hospital continuam sendo dos médicos assistentes, os quais devem ser procurados para a para análise de cada caso e verificação de sua viabilidade ou não nesse momento. O intuito do Hospital é readequar os casos oncológicos ao cenário atual da pandemia.

Normativas e resoluções

De acordo com as informações do HU/UFS, em virtude de algumas normativas e resoluções, as instituições de saúde foram obrigadas a reformular suas estratégias de atendimento para os procedimentos ambulatoriais e eletivos, as quais inevitavelmente levaram a uma redução importante do número de cirurgias.

“Em função dessa nova realidade, trazida pela necessidade de atendimento dos pacientes Covid-19, das deliberações dos gestores da saúde do Estado (vide Portaria nº 57 de 27 de abril de 2020 do Secretário de Estado da Saúde), e da necessidade da racionalização da utilização dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), foi decidido pelo Comitê de Enfrentamento Institucional do Covid-19 do HU-UFS-EBSERH, o funcionamento de apenas uma sala de cirurgia, seguindo as orientações da citada Portaria’, explicou em nota.

por João Paulo Schneider

Com informações do HU/SE

Comentários