Pacientes com suspeita de Covid-19 aguardam há 10 dias por resultados

0
Laboratório está processando exames manualmente (Foto: SES)

Os sintomas como febre, dores e perdas do olfato e paladar, que se manifestaram por volta do dia 18 de maio, no Fábio Oliveira, já desapareceram nos últimos dias. Até a manhã desta quinta-feira, 28, ele ainda não tem a confirmação se teve a Covid-19 ou não. Isso porque no mesmo dia 18 ele realizou o teste para detecção do vírus, no município de Estância, e 10 dias depois o resultado ainda é um mistério.

“Foi uma gripe forte, os sintomas coincidiam (com a Covid-19). Eu fiz o exame e imediatamente fiquei isolado, porque moro com minha mãe, que é idosa. Até hoje não recebi o resultado. Todo dia eu ligo, mas não tem informações”, relata Fábio. Para ele, a demora no resultado do exame o tem deixado de mãos atadas. “Continuo evitando contato com outras pessoas, usando utensílios separados aqui em casa. Mas até quando vou ter que aguardar? Como os exames de todo estado são centralizados no Lacen (Laboratório Central do Estado), acredito que eles não estão conseguindo dar conta”, pontuou.

A situação é semelhante a de um outro servidor público, que prefere não ser identificado. Ele afirma que após apresentar três dias de febre, tosse e pressão alta, realizou o teste no dia 17 deste mês. Desde então, não tem resposta sobre o resultado do exame. “Se tivesse de morrer, já tinha morrido. Hoje estou assintomático, mas não sei se tive a doença. Estou afastado do trabalho, mas com data de retorno programada para o fim do mês agora, e nada de saber do exame”, explica o servidor.

Lacen

O superintendente do Lacen, Cliomar Alves, confirmou que o tempo médio de resposta para os exames têm sido de 10 dias. De acordo com o gestor, a alta demanda de testes e a falta de kits de extração automatizada, produtos em falta desde a segunda semana de maio, acabam retardando o processamento dos resultados, que tem sido feitos manualmente.

A expectativa do Laboratório é que a empresa responsável pelo fornecimento dos kits de extração automatizada, consiga repor os estoques na próxima semana, dependendo do êxito na importação dos produtos. O Lacen tem funcionado com equipes de profissionais em todos os turnos.

Por Ícaro Novaes

Comentários