Prontuário Eletrônico já está funcionando nas 45 UBS de Aracaju

0
O sistema facilita o acompanhamento do prontuário médico do cidadão (Foto: Marcelle Cristinne)

Em maio, a Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), concluiu a instalação do sistema de Prontuário Eletrônico em todas as 45 Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. O sistema, que facilita o acompanhamento do prontuário médico do cidadão, independente de qual serviço da Saúde municipal ele está fazendo uso, possibilita maior assertividade no diagnóstico, uma vez que todo o histórico médico do paciente é de fácil acesso.

Com o prontuário eletrônico, todos os médicos de qualquer especialidade e demais profissionais de saúde têm acesso aos dados de atendimentos realizados, com exames detalhados, tratamentos ou medicações disponibilizadas, além de destacar possíveis pontos de acompanhamento e atenção. Com isso, é possível fazer diagnósticos mais rápidos e assertivos dos pacientes e tratamentos mais específicos e precisos. “A implantação começou no dia 16 de junho do ano passado, na Unidade Amélia Leite e, com mais ou menos 10 meses, concluímos o processo. Já notamos uma melhoria absurda porque o sistema de informação que nós tínhamos para fazer o acompanhamento era muito precário. O nível de informação subiu muito”, afirmou o coordenador de Informática da SMS, Adson Gomes.

A plataforma tem possibilitado o acompanhamento e controle de estoque integrado, organização centralizada das agendas das unidades e dados sobre atendimentos reunidos em um único local, o que facilita a extração de informações que viabilizam a tomada de decisão da gestão da SMS. “Aumentamos o controle porque nenhuma das nossas unidades fazia o controle de estoque. Há um acompanhamento de estoque de materiais, o que facilita o acesso da população. Esse sistema já é realidade de unidades de saúde privadas há muito tempo, mas, ainda não tínhamos nas públicas. Então, hoje nós temos sistema de saúde como nas unidades privadas”, disse Adson.

De acordo com o coordenador, esse foi um trabalho que demandou grande esforço, mas com o empenho das equipes de informática e infraestrutura, o trabalho foi concluído em menos de um ano. Também já contam com a plataforma, as Academias da Cidade e o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Liberdade. Para a implantação desse sistema, foram adquiridos 458 computadores de mesa, 22 computadores móveis e 47 televisores. Além disso, houve um investimento em equipes de atendimento, ampliação da velocidade da internet, reformas e adequação de infraestruturas, mobiliários, entre outros serviços.

Fonte: PMA

Comentários