Samu realiza conscientização para reduzir acidentes de trânsito

0
A ação ocorreu nesta sexta-feira, dia 25 (Foto: Governo de Sergipe)

Incentivar a adoção de boas práticas e encorajar a prevenção dos acidentes de trânsito com vistas à redução das ocorrências. Estes foram os objetivos que motivaram a ação de conscientização realizada junto aos condutores de veículos na manhã desta sexta-feira, 25, pelo Núcleo de Educação Permanente do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe) na avenida Augusto Franco, em frente ao Centro Administrativo da Saúde Senador Gilvan Rocha.

Os 10 servidores das coordenações do Samu, bem como os 10 profissionais dos Bombeiros Civis, parceiros na atividade, fizeram uma abordagem didática, dialogando com os motoristas sobre as boas práticas no trânsito. “Estamos na linha de frente do atendimento pré-hospitalar e percebemos que os números ainda são alarmantes. A maioria dos acidentes ocorre porque parte dos condutores não adotam as boas práticas que são não usar o celular enquanto dirigem,  não conduzir alcoolizados, respeitar o limite de velocidade da via e no caso dos motociclistas, usar o capacete”, relatou o gerente do Núcleo de Educação Permanente, Kelson Rosário.

A ação consistiu, além do diálogo com os condutores, a colocação de adesivos nos veículos, autorizada pelos condutores, contendo as mensagens das campanhas do Serviço, a exemplo de “Sou amigo do Samu, uso o capacete” ou “Sou amigo do samu, não utilizo celular enquanto dirijo”. A ação recebeu o apoio dos condutores, como o de Franklin Santos Santana. “É uma iniciativa superimportante porque conscientiza a população sobre os riscos que sofre quem não segue as leis do trânsito”, disse.

Para o motorista profissional Ênio Machado, a ação do Samu é valiosa porque, apesar de todas as informações acerca do assunto, ainda tem muitos condutores que preferem ser imprudentes. “Todos precisamos tomar cuidado no trânsito para não colocarmos nossas vidas e a dos outras pessoas em perigo”, opinou. O jornalista Marcos Borges compartilha do mesmo pensar. “Acho que o trânsito precisa ser consciente por parte de todos. Se cada um fizer a sua parte a gente tem um trânsito mais seguro e certamente melhor”, enfatizou.

 Números

De acordo com as estatísticas do Samu, no período de janeiro a agosto deste ano, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência realizou 3.255 atendimentos a acidentados de trânsito, número inferior ao mesmo período do ano passado, quando atendeu a 3.717 vítimas de acidentes.

Fonte: SES

Comentários