Sergipão: Sergipe goleia Amadense e reassume liderança

0
Nino Guerrreiro abre o placar e corre para o abarço: Sergipe 1 a 0 (Fotos: Igor Matheus/ Portal Infonet)

O Sergipe está de volta ao topo da tabela. Pela quinta rodada do estadual na tarde deste domingo, 4, o Colorado fez valer seu mando de campo no Batistão e fez o que quis com o lanterna Amadense: 4 a 1.

Com o resultado, o alvirrubro da capital soma agora 12 pontos e reassume a liderança, que estava com o Itabaiana. Já o Amadense segue enterrado na lanterna da classificação com apenas um ponto. Na próxima rodada, o Sergipe visitará o Olímpico no sábado, 10. Já o Amadense receberá o Itabaiana na quarta, 14.

O jogo
O Amadense começou com a bola e a manteve de pé em pé nos primeiros cinco minutos. Mas essa desenvoltura inicial cedeu logo. Aos 7 minutos, após lançamento de Diogo, o estreante Nino Guerreiro desviou de cabeça na área e acertou as redes: Sergipe 1 a 0. Seis minutos depois, Diogo quase ampliou: após troca de passes na meia-lua, a bola sobrou para o camisa 11, que chutou rasteiro e viu a bola sair com perigo pelo lado direito.

Mas não era mesmo o dia da defesa do alviverde de Tobias Barreto. Após cruzamento forte de Diogo a partir do lado esquerdo da linha de fundo, aos 21, Wberlan desviou com o peito e colocou a bola contra o patrimônio: gol contra do lateral e Sergipe 2 a 0. O Amadense, entretanto, não estava totalmente entregue. Em uma das poucas investidas dos visitantes na área, Diego Paulista derrubou Hudson na área: pênalti. Na cobrança, Cristiano Alagoano converteu: 2 a 1.

Cristiano Alagoano converte o pênalti: 2 a 1. Na comemoração, provocação com gesto da Trovão Azul

Na comemoração, do gol, o ex-Confiança Alagoano correu para a torcida do Sergipe e fez com os braços o ‘T’ alusivo à Trovão Azul, torcida organizada do time azulino. Resultado: vaias e impropérios especiais pelo resto da partida a cada vez que o jogador pegava na bola; e da parte do juiz, cartão amarelo.

Na segunda etapa, o Amadense não voltou com a vibração de quem deveria empatar – e o Sergipe, em contrapartida, voltou mais concentrado. Logo aos 3, Brendon acertou um chute de fora da área que fez o goleiro Clésio apenas torcer para ela sair – o que aconteceu. Mas aos 12, após jogada pela direita, Lucas Dantas mandou de bate-pronto com endereço – e obrigou o goleiro alviverde a fazer uma grande defesa.

Mas nem as sobras o Amadense estava sabendo administrar. Aos 23, Diogo aproveitou o rebote da zaga e mandou para as redes: Sergipe 3 a 1. Pouco mais de dez minutos depois, Brendon mandou a bola no travessão, e no rebote, Léo, que havia entrado no segundo tempo, tocou pra dentro: 4 a 1. E nada mais alterou o placar.

FICHA TÉCNICA
Sergipe 4 x 1 Amadense

Gols: Nino Guerreiro (7’ 1t), Wberlan (contra)(21’ 1t), Cristiano Alagoano (38’ 1t), Diogo (23’ 2t), Léo (35’ 2t)

Sergipe em cima: defesa do Amadense bateu cabeça por toda a partida

SERGIPE
Jean, Rhuan, Diego Paulista, Heverton, Brendon, Marinho, Lucas Dantas (Léo), Ramalho, Nina Guerreiro, Carlinhos (Obina), Diogo

AMADENSE
Clésio, Lucas, Bruno, Ézio, Cleissinho (Paulo Henrique), Wberlan, Lelê, Sampson (Glauber), Cristiano Alagoano, Neto Baiano (Negão), Hudson

Cartões amarelos: Marinho, Bruno, Cristiano Alagoano
Público pagante: 1385
Público total: 1558
Renda: R$ 22.024

Por Igor Matheus

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais