28 de julho: Dia do Voluntariado

0

Dia 28 de agosto é o dia Nacional do Voluntário. Dia daqueles que dedicam, com orgulho, parte dos seus dias a causas em prol da humanidade. Dia daqueles que, mais do que ajudar, transformam vidas. Por isso, a data deve ser lembrada e comemorada!

O trabalho voluntário vem sendo cada vez mais visto como uma forma de exercer o que os profissionais realmente gostam ou mesmo de encontrar significado no que fazem. O resultado é que o trabalho voluntário é bom para todos. Para quem faz, para quem recebe e para quem observa!

Uma das áreas mais participativas do voluntariado é no apoio às crianças e adultos com câncer, onde a sociedade bastante sensibilizada vem contribuindo para a melhoria da qualidade de vida das pessoas.

Uma área bastante carente de voluntariado é na luta contra a AIDS. No início da epidemia, muitas pessoas se envolveram nas ações de prevenção e cidadania, participando de entidades não governamentais ou atuando diretamente junto às pessoas soropositivas. Atualmente, enquanto a epidemia da AIDS cresce, a participação de voluntários é pequena. Uma parte da sociedade está “banalizando” a epidemia e se acomodando. Existe o chamado “pensamento mágico” onde as pessoas dizem que “o problema da AIDS é com os outros, não me atinge”.  Estamos em um momento difícil onde a epidemia aumenta nas pessoas que vivem em situação de pobreza, necessitando da participação da sociedade através de trabalhos voluntários. Como acontece com o Câncer, o problema da AIDS não é apenas dos governos estaduais e municipais. É também da sociedade.

Frequentemente, temos pacientes vivendo com HIV/AIDS internados no Hospital de Urgência Gov. João Alves Filho e que não recebem visitas por serem sozinhas ou porque alguns parentes alegam “não terem tempo para visitar”. Temos ainda várias mulheres casadas soropositivas e pobres, que já perderam os companheiros e vivem com oito filhos na dependência das ajudas governamentais e da sociedade. Temos áreas de pobreza e de difícil acesso aonde as informações sobre a AIDS ainda não chegaram suficientemente para mudanças comportamentais, apesar do grande número de ações de prevenção realizadas no estado.

Aproveitamos o Dia Nacional do Voluntariado, para convidar pessoas que queiram participar do grupo de voluntários a ser criado com o nome “AMIGOS DA PREVENÇÃO E CIDADANIA”. Estaremos recrutando voluntários, profissionais das diversas atividades (saúde, educação, social, jurídico, etc.) e empresários para participarem do grupo que atuará nas áreas de assistência e solidariedade às crianças e adultos que vivem com HIV/AIDS e também na área de prevenção, ajudando a divulgar informações corretas sobre AIDS e Doenças Sexualmente Transmissíveis com destaque para a Sífilis Congênita, nas comunidades e nos locais de trabalho. Voluntários também poderão participar dedicando algumas horas de trabalho e/ou realizando doações às Casas de Apoio Bom Samaritano e Janaina Dutra, responsáveis pela assistência às pessoas que vivem em situação de pobreza. Os interessados receberão uma capacitação nas áreas escolhidas (Assistência/ Prevenção).

Faça o voluntariado fazer parte da sua rotina! Mostre que você também está participando da luta contra a AIDS e contribuindo para melhoria da qualidade de vida das pessoas que vivem com HIV/AIDS e ajudando no enfrentamento à epidemia!

Os interessados em se tornarem voluntários do grupo “Amigos da Prevenção e Cidadania” devem escrever para:
Gerência Estadual de DST/AIDS – Travessa Baltazar de Góis, 86 – Edifício Estado de Sergipe – Aracaju/SE     CEP. 49.010-460 / e-mail: jose.santana@saude.se.gov.br

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários