Amorosa chora e não faz show – Araripe Coutinho

0

Amorosa não canta em Areia Branca

A cantora Amorosa não cantou em Areia Branca no último sábado. Tudo por conta de um desentendimento com o Prefeito da cidade, Ascendino Souza, que havia prometido que pagaria 50% do show à cantora na quinta e não cumpriu com a palavra. Amorosa que sobe ao palco com mais de 16 pessoas, entre músicos e dançarinos teve uma crise de choro ao telefone com o prefeito e disse não ser justo “pagar os de fora com antecedência e os daqui quando bem quiser”. Aos  prantos, a cantora passou muito mal e não assinou o contrato que na cláusula “do pagamento”, estava escrito à combinar. O mal estar deixou Ascendino Souza de ‘saia justa”, já que usou o horário nobre de seu partido na TV, o PSB, para agradecer publicamente ao Governador Marcelo Déda pelo dinheiro enviado para os festejos, mas que já começou mal com o furo na programação.  A cantora Amorosa homenageia Areia Branca em seus disco “Um canto a Sergipe”, e garante que Souza,  não lhe deu o mínimo apoio para a realização do trabalho dizendo claramente que não tinha como ajudar. Mesmo assim Amorosa colocou a música em homenagem à cidade no disco.  A assessoria do Prefeito Ascendino Souza não respondeu como fez para substituir(se é que pode) a ausência da cantora, nem o por quê de uma falta de resolução para ter resolvido o impasse.

Lícia Fábio 

A promoter Lícia Fábio, incensada por Gélio Albuquerque e Hugo Julião, no programa 2 + 1 (TV Cidade – Canal 20 – Net), diz que ama Sergipe e Laranjeiras. Mas o quê mesmo a badalada senhora fez por Laranjeiras até hoje? O que fez para divulgar Sergipe? Por que não pede ao seu amigo empresário Laurinho  Menezes para reformar aquela igreja, bem na entrada da Fazenda Boa Luz, desprezada como se nada valesse. Além do mais, Lícia Fábio diz que tem orgulho de ser sergipana e que João Carlos Paes Mendonça tem orgulho de ser nordestino. Ah, bom… É pra morrer de rir.

Relaxa e Goza 

A Ministra Marta Suplicy não conseguiu chegar a Aracaju para abraçar Marcelo Déda.  

PARANDO A ELEIÇÃO 

Samarone conseguiu dar um freio na eleição de Edvaldo Nogueira para prefeito. Colocou a cidade à 60 km/h. Só Edvaldo não vê isso.

FRASE FINAL 

Vamos pra frente que atrás não vem ninguém.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários