Baratas do Rio

0

Aquele bando de marginais vistos ontem fugindo atabalhoadamente da Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, parecia baratas atordoadas com a pulverização. Esta parece a melhor definição para o resultado da forte operação policial montada contra o tráfico de drogas e armas nos morros cariocas. Transmitido ao vivo pelas redes de televisão, o confronto entre policiais e bandidos assustou o país, expôs a força bélica e escancarou a ousadia dos marginais. Para alívio do cidadão, a Polícia mostrou que, quando unida em torno de um objetivo, não se rende aos primeiros obstáculos e é capaz de botar pra correr, morro acima, algumas centenas de bandidos fortemente armados. É preciso continuar pulverizando os morros do Rio para que os traficantes ainda entocados nas vielas, sufoquem-se e fujam aterrorizados, como fazem as baratas com a presença do inseticida.

Nova diretora

A presidente da Assembléia, deputada Angélica Guimarães (PSC), convidou a jornalista Sandra Cruz para dirigir a comunicação do Legislativo. A posse da nova diretora deverá acontecer já na próxima segunda-feira. A ela caberá cuidar da TV Alese, da Agência de Notícias do Parlamento e coordenar os profissionais de comunicação da Casa. Sandra substitui a jornalista Cristina Almeida, que entregou o cargo há cerca de dois meses.

Pouco interesse

O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) não demonstrou muito interesse pelo Ministério do Turismo. Segundo revelou ontem um amigo seu, a Pasta que pode entusiasmar o sergipano a deixar o Senado é o Ministério da Integração Nacional. Talvez seja por isso que quando questionado sobre a possibilidade de se afastar visando abrir vaga no Senado para seu suplente Zé Eduardo Dutra (PT), Valadares diz que não moverá uma palha nesse sentido.

Uso científico

Usar a Barragem do Poxim para a realização de estudos nas mais diversas áreas. Essa proposta foi discutida ontem, pelo secretário de Estado do Meio Ambiente, Genival Nunes, o presidente da Deso, Max Montalvão, e o comandante da Polícia Militar, coronel Pedroso. “Quando estiver cheia, a barragem se transformará em um novo sistema, que pode e deve ser usado como estudo pelas universidades, órgãos ambientais, Organizações Não-Governamentais e o Pelotão Ambiental da Polícia Militar”, afirma Max Montalvão.

Quase pronta

A maior Árvore de Natal do mundo será inaugurada às 18h30 do próximo dia 4. Com 127,99 metros de altura, o monumento de luz está erguido na coroa de areia entre os rios Sergipe e Poxim. A Árvore de Luz, patrocinada pela Energisa, está na 22ª edição e mantém a altura do ano passado, que recebeu mais uma vez do Livro dos Recordes o título de Maior do Mundo. Para a sua confecção estão sendo utilizados 4.500 metros de cabo multiplex  16mm, 40640 metros de fio 2.5 mm² para fazer as ligações, além de 2.630 lâmpadas strobes e 19.610 lâmpadas incandescentes.

Reunião de prefeitos

Acontece hoje em Aracaju o I Fórum da Região Nordeste para Municípios. Promovido pela Caixa Econômica Federal, o evento vai reunir prefeitos de Sergipe, Alagoas, Bahia e Pernambuco para discutir a obrigatoriedade de os municípios constituírem o Regime Próprio de Previdência Social para os seus servidores. O Fórum será aberto daqui a pouco, no Mercure Aracaju Delmar, na Orla de Aracaju.

Flor do recesso

O volume de informações veiculadas sobre possíveis secretários estaduais, mudanças na Prefeitura e a eleição para a Mesa da Assembléia não passa de flor do recesso. Essas notícias sem qualquer consistência geralmente são ‘plantadas’ por pessoas interessadas em tirar proveito delas. A melhor definição sobre a flor do recesso é do governador Marcelo Déda (PT): “Denomina-se assim a notícia criada apenas como factóide”. Portanto, até o Brasil voltar a funcionar, depois das festas de final de ano, muitas dessas ‘flores’ serão ‘plantadas’ por aí.

SOS Prefeitura

As pessoas que freqüentam a Praça do Mini Golf, ali em frente à sede da OAB, estão pedindo socorro à Prefeitura. É que o mictório público que existia ali quando o logradouro era cuidado pela Petrobras foi retirado e não colocaram outro. Resultado: a galera está se ‘aliviando’ atrás das árvores ou nas escadas da baulostrada do rio Sergipe. Será que é tão difícil e caro a Prefeitura instalar um banheiro químico naquela e em outras tantas praças de Aracaju?

Sacolas aprovadas

A proibição do uso de sacolas plásticas para carregar compras é aprovada por 60% da população. Pesquisa Sustentabilidade Aqui e Agora, feita pelo Ministério do Meio Ambiente em parceria com o Supermercado Walmart, constatou também que 21% não saberiam como descartar o lixo doméstico sem os saquinhos, 40% acreditam que limpeza pública é o principal problema ambiental  nas suas cidades ou bairros, 61% acham que a responsabilidade é dos órgãos públicos e 18% que o meio ambiente é responsabilidade dos indivíduos.

Do baú político

‘Os ícones de um terremoto – Golpe Militar, repressão e resistência política’ é o livro do saudoso jornalista Paulo Barbosa, que acaba de ser impresso pela Editora Diário Oficial de Sergipe. Hoje, a coluna foi beber neste brilhante ensaio literário sobre um dos períodos mais negros do Brasil. Segundo Paulo, logo após a ruptura democrática, que resultou na cassação e prisão do governador Seixas Dória, ele e algumas dezenas de sergipanos foram encarcerados no quartel do 28º Batalhão de Caçadores, em Aracaju. Certa tarde, um sargento foi à cela buscar o deputado estadual cassado Cleto Maia para depor. Enquanto os dois desciam a escada, o militar passou a dirigir palavrões contra o preso que, ora respondia baixo, ora silenciava. “De repente, se viu um corpo cair, após o barulho de um murro bem dado. O silêncio no cárcere era absoluto”, narra o autor. Para a alegria de todos, o esmurrado foi o sargento. E o melhor: embora dominado por quase uma dezena de militares, o ex-deputado exigia ser tratado com dignidade. “Cleto conseguiu repor uma nova visão de mais respeito, mas para conseguir tal respeitabilidade, foi no murro”, completa Paulo Barbosa.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais