João Pessoa (PB): Do Bessa a Tambaba

0

Cabo Branco

Bessa, Manaíra, Tambaú, Cabo Branco, Seixas, Penha,… Chega as praias estreladas do município do Conde. João Pessoa é uma das capitais nordestinas que mais apresentam praias urbanas aptas ao banho. No local mais oriental do continente americano fica a Ponta do Seixas, onde também está o farol do mesmo nome.

Diariamente, centenas de pessoas vão ao final da tarde na localidade para apreciar um dos mais belos pôr do sol do Nordeste.  E não esqueça? A costa do Conde não fica mais no município de João Pessoa, mas é onde se concentram as praias mais bonitas da Paraíba, a exemplo de Tambaba e Coqueirinho.

O Tô no Mundo foi até elas para trazer boas dicas de como visitá-las, onde comer e o que não deixar de ver, fechando a série “Turisticamente Falando da Paraíba”.

Cabo Branco

O roteiro foi dividido entre a direita do hotel Tambaú, com as praias de Manaíra e Bessa, e a esquerda do empreendimento, com as praias de Tambaú, Cabo Branco, Seixas, Penha e a costa do Conde.

Os principais hotéis de João Pessoa ficam na faixa litorânea que compreendem as praias de Manaíra, Tambaú e Cabo Branco.

Cabo Branco

Ao primeiro olhar, o Bessa é um bairro exclusivamente residencial, mas logo-logo a quantidade de restaurantes, bares e pousadas indicam que o turista também poderá fazer bom proveito da região litorânea. A noite há alguns pontos badalados com casas de shows e espaços para paquera, a exemplo do Bessa Grill ou da franquia Chopp Time.

A orla e a faixa de areia continuam da praia do Bessa a Manaíra e não modificam muito. O mar é propício ao banho, mas na maré alta há ondas de forte intensidade.

Seguindo no sentido Ponta do Seixas, de Manaíra chega ao hotel Tambaú, símbolo de João Pessoa. A noite é onde acontece o burburinho nas feiras de artesanato, gastronômica, food truck, restaurantes com música ao vivo e cafés.

Cabo Branco

Caso esteja hospedado lá, vale a pena acordar cedinho e tirar as primeiras horas do dia para uma caminhada de Tambaú até a praia de Cabo Branco.

São cerca de 5km de calçadão recém-revitalizado, com estrutura de bares, restaurantes, equipamentos de lazer e de atividade física. É na faixa de areia de Cabo Branco onde os turistas mais procuram o binômio sombra e água fresca, regada a um mar azul que varia sua tonalidade, a depender da maré e do sol.

Manaíra

No final do sentido Tambaú- Cabo Branco fica uma das mais belas vistas do traçado arquitetônico moderno de João Pessoa. Os arranha-céus cortam o horizonte da praia de Cabo Branco ao longe. Pertinho dali fica a praia do Seixas, com o farol do mesmo nome o Estação Cabo Branco – Ciência, Cultural e Arte, um projeto de Oscar Niemeyer inaugurado em 3 de julho de 2008 construída no bairro do Altiplano Cabo Branco com a missão de levar, gratuitamente à população, cultura, arte, ciência e tecnologia.

O projeto saiu do papel e ainda não conseguiu atingir seu objetivo. Os turistas agradecem a Niemeyer por proporcionar mais uma obra extraordinária a ser observada.

Tambaú e Manaíra

Logo após Cabo Branco fica a praia da Penha, em homenagem à Nossa Senhora da Penha. A faixa de areia continua propícia ao banho de mar, mesmo com a maré alta. É lá também onde inúmeras embarcações partem diariamente para deleite dos turistas nas piscinas naturais do Seixas.

No pequeno povoado, pertinho do Centro de Convenções da Paraíba e a mais de 10km de distância da praia de Tambaú, há vários restaurantes bem  convidativos, com um cardápio recheados de pratos à base de peixes e camarão ao molho, ensopado, caldos e frito, ao preço que variam de R$ 8 a R$ 45.

Tambaú a Noite

A partir dali as praias já não são tão urbanas assim até chegar a popular praia de Jacumã, apta aos esportes náuticos. Visite depois a praia do Coqueirinho até chegar a famosa Tambaba.

Tambaba: Bonita de se ver e curtir – Uma das mais belas praias da região, Tambaba é a primeira praia oficial de naturismo do Nordeste.
Considerada várias vezes por revistas especializadas como a praia mais bonita da costa nordestina, o status pode ser conferido ainda ao longe, de cima.

Uma enseada com falésias dá as boas-vindas aos visitantes, até chegar a um penhasco onde se pode ver a extensão da praia. Na primeira parte – pequenina, com pedras e piscinas naturais de águas verde-azuladas – não é permitido o naturismo. Já na segunda, ficar como veio ao mundo é obrigatório. Caso contrário, não se pode ultrapassar o posto de fiscalização que dá acesso à área dos nudistas.

Manaíra

Ao primeiro olhar, percebe-se que as poucas estruturas de lojinhas e restaurante tentaram manter a rusticidade e preservar a natureza. Falésias, pedras e matas se misturam, formando um cenário único de beleza.  Reserve um dia para conhecê-la e desfrutar do cenário paradisíaco e único de Tambaba.

Dicas de viagem

  • Entre Tambaú e Cabo Branco

    Ao visitar a Paraíba, procure a Agência Guia Mundo Turismo que o proprietário e guia de turismo Genilson Pessoa disponibilizará do melhor para receber bem e informar sobre os pontos turísticos paraibanos. O telefone é 83 98855 9796 (OI) ou 83 99670 7601;

  • Nas principais agências de João Pessoa o city tour pelas praias do Conde passam por Coqueirinho e Tambaba, ao preço médio de R$ 120. Há também um roteiro de bugre pelo litoral, passando pela Ponta do Seixas, praia do Amor, Coqueirinho, a preços negociáveis. A dica é contratar um guia local com cadastro no Ministério do Turismo, pechinchar o valor e seguir para um dos litorais mais belos do Brasil.

  • À noite, a praia de Tambaú é uma boa pedida para quem quer boa gastronomia regional ao preço acessível. O cardápio da feirinha e restaurantes locais vão desde a tradicional tapioca e caldos regionais a pratos mais elaborados, que variam de R$ 8 a R$ 40.

  • Feirinha de Tambaú

    Na praia de Jacumã, os restantes à beira da praia disponibilizam um cardápio para almoço bem variado, à base de frutos do mar. O caranguejo é servido como ensopado com coco.

  • João Pessoa não possui um eficiente meio de transporte público, pecando na interligação das praias e do centro histórico. O melhor é consultar um receptivo;

  • Depois da praia do Bessa há outras praias estreladas, a exemplo da do Jacaré, em Cabedelo, onde acontece o tradicional pôr do sol ao som do Bolero de Ravel. Há passeios que partem ao final da tarde, exclusivamente para este fim.

Feirinha de Tambaú

Gastronomia

A cozinha a base de ingredientes do sertão é bem procurada por quem visita João Pessoa. A manteiga de garrafa, os queijos, as carnes de caprino e ovino, a galinha de capoeira ou caipira, a carne de sol, os doces de frutas regionais, a castanha do caju, o amendoim… O prato é composto por carré, costela, file e carne de sol do ovino mais amado da cidade. Acompanha feijão verde, vinagrete e arroz, além, claro, da manteiga de garrafa.

Ponta do Seixas

Na feirinha de Tambaú, os caldos chamam atenção pelos nomes exóticos, mas com gosto parecidos: de quenga, de cabeça de galo, de gororoba.

Na Bagagem

Mamulengo de Cheiroso e o Talco da Clemilda

O grupo teatral sergipano de bonecos Mamulengo de Cheiroso homenageará o casal Clemilda e Gerson Filho na apresentação “Talco no Salão”, no dia 17 de dezembro, às 18h, no Museu da Gente Sergipana. Além do lançamento da apresentação, a companhia fará mais dois espetáculos: no dia 21 de dezembro, na praça do Conjunto Beira Mar II, às 20h, e no dia 22 de dezembro, no Mirante da 13 de Julho, às 19h. Todas as apresentação são gratuitas. Imperdível.

Farol de Cabo Branco

Atracadouro da Ilha Mem de Sá

O governador Jackson Barreto autorizou o processo licitatório para a construção dos atracadouros da Ilha Mem de Sá, tradicional vila de pescadores situada no rio Vaza-Barris, e do Povoado Caibrós, no município de Itaporanga D’Ajuda. A construção dos atracadouros contempla ainda a implantação de orlas amplas e modernas, próprias ao lazer, o que deve permitir a construção de novos bares e restaurantes no local, fomentando o turismo de base comunitário na localidade.

Penha

Mais um aparelho turístico na Rota do Cangaço

Poço Redondo ganhará um importante equipamento para fomentação do turismo e geração de renda: a orla do Povoado Curralinho. Com o investimento de mais de R$ 3 milhões, proveniente do Programa de Desenvolvimento do Turismo no Nordeste (Prodetur), a obra assegura a expansão do roteiro turístico do Cangaço. A previsão é de que a partir da assinatura da ordem de serviço, a Orla seja entregue em um prazo de 300 dias.

Ecoparque Timbó

O Ecoparque Timbó, localizado no município de Salgado e a poucos 40km de Aracaju, é um dos lugares balneáveis do interior de Sergipe, que tem atraído um grande público nos finais de semana. Vale a pena conferir.

Café da Gente Sergipana

Penha

O Café da Gente Sergipe continua sendo um dos principais lugares da produção artística sergipana. A programação continua com shows, apresentações teatrais, muito boa música, num espaço aconchegante e descontraído.

Passeio a pé pelo Centro de Aracaju

“Descobrindo a Cidade a Pé’ é o nome do projeto realizado Serviço Social do Comércio (Sesc) de Sergipe, com o intuito de proporcionar aos cidadãos e turistas um passeio a pé pelo centro da capital. O passeio capitaneado pelo pesquisador Heriberto de Souza narra os fatos sobre a origem de Aracaju, a mudança da capital, o início da construção da cidade e o seu crescimento, despertando o conhecimento dos participantes através dos locais que marcaram a memória histórica da cidade, no denominado quadrado de Pirro, que engloba o antigo cais do porto, Centro Cultural de Aracaju, Praça Fausto Cardoso, Parque Olímpio Campos, Catedral Metropolitana, Colégio Jackson de Figueiredo, Tribunal de Relação e outros pontos históricos existentes nessa área.

Tambaba
Tambaba
Tambaba

Fotos: Silvio Oliveira

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais