O óleo e a maconha da lata

0

O óleo cru despejado criminosamente no mar do Nordeste lembra o distante verão de 1987, quando 22 toneladas de maconha foram descartadas na costa do Rio de Janeiro. Acondicionada em latas de um quilo e meio, a droga boiou nas praias cariocas, paulistas e da região sul, para a alegria dos “malucos beleza”. Durante meses, as autoridades brasileiras bateram cabeça para descobrir o mistério de tanta Cannabis enlatada boiando no Atlântico. Descobriu-se, por fim, que a maconha de excelente qualidade era procedente de Cingapura e foi descartada após a tripulação do barco australiano Solana Star ficar sabendo que a polícia americana estava em seu encalço. Assim como a maconha da lata, é provável que o óleo cru tenha sido jogado ao mar por alguma embarcação pirata para escapar de um flagrante iminente. A única certeza que se tem é que o patrulhamento da costa brasileira continua tão ineficaz quanto era em 1987. A diferença entre os dois episódios é que o petróleo descartado agora está causando danos irreparáveis ao meio ambiente, enquanto a maconha da lata, suficiente para endoidar um batalhão, fez a alegria e as cabeças dos “malucos beleza” por muito tempo. Misericórdia!

Petição de miséria

O Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE) está entupido de doentes. Sem ter onde colocar tantos enfermos, a direção está largando-os no chão. Por muito menos, o governador Belivaldo Chagas (PSD) exonerou o secretário da Saúde, José Almeida Lima (PV). Em abril, durante uma visita surpresa, o “Galeguinho” comparou o HUSE a um campo de concentração: “Vou estar aqui toda semana para ver o que realmente está acontecendo”. Prometeu, mas não cumpriu. Marminino!

Vítima de calúnia

E o vereador lagartense Alex Dentinho (Republicanos) está uma fera com a prefeita Hilda Ribeiro (SD) e o esposa dela, deputado federal Gustinho Ribeiro (SD). O moço suspeita que os dois sejam responsáveis pela falsa informação de que ele defende o fechamento de casas de farinha do município: “Vamos acionar a Justiça, pois fake news é crime”, ameaça Dentinho, preocupado em manter a popularidade junto aos produtores de farinha. Aff Maria!

Som alto

As pessoas que costumam promover eventos em residências com uso de som, devem ficar atentas à legislação. Segundo a Prefeitura de Aracaju, para evitar problemas é preciso ter uma Autorização Ambiental e respeitar o limite de emissão de sons. De 7h às 22h, o limite permitido é de 60 decibéis. De 22h às 7h, o som não pode ultrapassar os 50 decibéis. Do contrário, o equipamento pode ser apreendido pela Polícia Ambiental. Danôsse!

Jornalista loroteiro

É mentira deslavada que o governo de Sergipe proibiu técnicos da Adema de colaborarem com os voluntários no recolhimento do óleo derramado nas praias. A falsa informação foi divulgada pelo jornalista paraibano José Neumanne Pinto. Em nota, o governador Belivaldo Chagas (PSD) lamenta a fake news espalhada pelo experiente comunicador. Segundo Chagas, “o povo é testemunha do trabalho da Adema e do governo neste luta que é de todos”. Então, tá!

Teje preso

A Polícia Federal amanheceu prendendo geste nesta sexta-feira. Deflagrada no raiar do sol, a operação “Reação Adversa” cumpre cinco mandados de prisão e oito de busca e apreensão em Sergipe, Bahia e Minas Gerais. Os presos são acusados de importarem, produzirem e distribuírem anabolizantes. A PF acredita que o grupo investigado tenha movimentado mais de R$ 1 milhão durante os 18 meses de atuação. Homem, vôte!

Promessa vazia

De passagem por Aracaju para ver o óleo derramado no mar, o presidente interino Davi Alcolumbre (DEM) jurou que o governo federal vai liberar recursos suficientes para concluir a duplicação da BR-101 em Sergipe. Esta é mais uma das inúmeras promessas de dinheiro para a conclusão das obras, iniciadas há mais de 20 anos. Apesar de muita gente ter acreditado, o compromisso do demista não será concretizado, principalmente porque Alcolumbre deixa a presidência da República nesta sexta-feira. Crendeuspai!

No estaleiro

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) vai cair no bisturi. Pelas redes sociais, ele informou que vai se ausentar do Congresso por algumas semanas para se submeter a uma cirurgia bariátrica. “Depois vou ficar por muito tempo longe de guloseimas”, brincou. Ontem, os assessores de Mitidieri organizaram “uma pequena despedida (provisória) no gabinete de Brasília”. Boa sorte!

Márcio visita Lula

E quem deu com os costados, ontem, em Curitiba foi Márcio Macedo, o vice-presidente Nacional do PT. Foi visitar o ex-presidente Lula da Silva (PT), preso na Polícia Federal. Macedo Estava acompanhado do deputado federal José Guimarães (PT), que se impressionou com a saúde de Lula: “Parece um jovem de 20 e poucos anos, com uma vitalidade extraordinária”. Segundo Márcio, o líder petista lhe pediu pra transmitir o seguinte recado à militância: “Cuidem do PT que, quando eu sair daqui, cuidarei do Brasil”. Ah, bom!

Lesma lerda

O Tribunal Faz de Contas de Sergipe acaba de condenar por irregularidades administrativas o ex-prefeito de São Cristóvão, Alex Rocha (PDT). Nada demais se a condenação não tivesse ocorrido quase 10 anos após o indigitado ter deixado a prefeitura. Bem mais ágil que o lerdo TCE, a Justiça Federal condenou em 2013, por improbidade, mesmo Alex Rocha. Cruzes!

Recorte de jornal

Recorte de jornal aracajuano A República, em 29 de outubro de 1932

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais