Pede pra sair Feliciano

0

Se não fosse teimoso, o pastor e deputado Marcos Feliciano (PSC-SP) já teria pedido pra sair da presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados. Há vários dias o movimento contra sua permanência vem crescendo e agora já recebe o apoio de parlamentares, entre eles o próprio presidente da Câmara Henrique Alves.

Em todo país serão realizados hoje diversos atos públicos em defesa da destituição de Feliciano. Em Aracaju será na na Praça Fausto Cardoso (em frente ao Palácio Museu Olímpio Campos), a partir das 15h. De quebra, Feliciano vem desgastando a imagem do seu partido, o PSC e de alguns colegas, a exemplo do deputado sergipano, André Moura, que como líder nacional foi o responsável pela indicação. Em Aracaju, são mais de 30 entidades e grupos que organizam o ato.

A eleição de Marco Feliciano para o posto máximo da Comissão de Direitos Humanos e Minorias gerou descontentamento e indignação em organizações do movimento negro, grupos de mulheres e entidades de defesa dos direitos homossexuais, pois o parlamentar, por mais de uma vez, manifestou opiniões racistas, machistas e homofóbicas.

Algumas das frases ditas por Marco Feliciano: “Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé; A AIDS é o câncer gay; As mulheres que trabalham e têm os mesmos direitos do homem prejudicam a família; União homossexual não é normal. O reto não foi feito para ser penetrado”.

Como presidente da Comissão de Direitos Humanos Feliciano não pode achar que sua opinião pessoal, como pastor, não vai interferir em suas ações. Não é um caso de liberdade de expressão, ou até mesmo de culto. Até porque o Brasil é um estado laico, pelo menos no papel.

A prática política de Feliciano é clara:  ele foi posto no lugar errado, na hora errada. Talvez, se o Brasil vive-se num regime totalitário e ditador, Feliciano e os “Bolsonaros” da vida estariam no poder com suas arbitrariedades e seus discursos odientos e raivosos.

Isolado
O líder do PSC na Câmara, André Moura, disse que espera uma posição de Feliciano no início da semana que vem. Isolado, Feliciano informou à cúpula da sigla que tiraria o fim de semana para pensar com a família no interior de São Paulo.A próxima reunião da bancada do PSC está marcada para terça. O comando da Câmara espera que o partido apresente outro nome para a comissão.

Jorge da Capadócia
“Eu estou vestido e armado com as roupas e as armas de São Jorge, para que os meus inimigos tenham pés e não me alcancem, tenham mãos e não me toquem, tenham olhos e não me vejam, e nem mesmo em pensamento eles possam me fazer mal”. Trecho da música Jorge de Capadócia, de Caetano Veloso que foi interpretada como ninguém por Jorge Bem-Jor, que comemora hoje, 22, 68 anos.

Governo de Sergipe consegue pista de atletismo oficial
Um sonho antigo será realizado para os profissionais do atletismo em Sergipe. Uma pista oficial será construída. A reivindicação, apresentada pelo governador ao Ministério do Esporte há algum tempo, teve resposta positiva ontem, 21, quando o secretário de Estado, Maurício Pimentel teve uma audiência com o chefe de gabinete do ministro, João Luiz.

Novidades na Aperipê
Creio que já passou da hora do ouvinte de rádio ou de TV prestar atenção nas boas novidades que estão na grade de programação das três emissoras da Fundação Aperipê. Preocupado em   produzir conteúdo local de qualidade, o presidente da Fundap, jornalista Luciano Correia, entrou ‘de cara’ no foco que é, definitivamente, o referencial das Rádios AM/FM e TV Aperipê:  Educação, Cultura e Jornalismo Cidadão. Aos poucos, as emissoras Aperipê vão se reencontrando, tudo dentro de uma sintonia que atende ao mais exigente ouvinte ou telespectador.

Justa homenagem a Roosewelt Cardoso de Menezes
Em sessão especial realizada na última terça-feira, a Sociedade Médica de Sergipe– SOMESE prestou significativa homenagem à memória do médico Roosewelt Cardoso de Menezes, pelo transcurso de seu centenário de nascimento. Médico humanista, o Dr. Roosewelt ingressou na política, tendo sido eleito prefeito de Itaporanga D’Ajuda e, posteriormente, de Aracaju. Foi responsável pela criação de serviço público para doação de sangue em Sergipe.

Justa homenagem a Roosewelt Cardoso de Menezes II
Exerceu, também, o cargo de deputado estadual. Exemplo de austeridade, ética e compromisso com o próximo, o Dr. Roosewelt Dantas Cardoso de Menezesé merecedor de um eterno reconhecimento por parte da sociedade aracajuana e sergipana. Ainda neste ano de 2013, mais quatro médicos serão homenageados pela SOMESE.

Decisão Justa: mandato senador de Luiz Carlos Prestes
O Senado Federal está prestes a tomar uma decisão justa anulando a resolução da Mesa Diretora, de 1948, que extinguiu o mandato do senador  Luiz Carlos Prestes e do seu suplente, Abel Chermont. O relator do processo, senador Valadares (PSB) apresentou parecer favorável a anulação.

Direito
O senador Valadares lembrou que o senador Prestes, eleito pelo Partido Comunista do Brasil em 1945, com a maior votação proporcional da história política brasileira até então, é ainda hoje reverenciado por suas atividades políticas e militares, caracterizadas pelo nacionalismo e pela defesa das camadas sociais oprimidas. Prestes tinha o direito a ocupar uma cadeira no Senado até 31 de janeiro de 1955.

Injustiça
"Concordo com o senador Inácio que esta Casa precisa sanar esta injustiça e devolver o mandato ao primeiro parlamentar comunista a tomar assento no Senado. Esta proposta busca reparar esse erro,fazendo Justiça à história e à nação brasileira. Por isso, meu relatório é favorável", afirmou Valadares.

Zona de Expansão: TRE/SE defere  pedido para Plebiscito
Na tarde da última  quarta-feira (20), o pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE), em sessão plenária, deferiu, por unanimidade, o pedido da Assembleia Legislativa de Sergipe para realização de plebiscito, com intuito de definir a situação dos limites entre os municípios de Aracaju e São Cristóvão.

Data do Plebiscito
Quanto à fixação da data para a realização da consulta plebiscitária, o TRE/SE encaminhará ao Tribunal Superior Eleitoral ofício, com objetivo de consultar sobre a possibilidade de realização de plebiscito fora do período eleitoral.

De alma lavada
Ao receber a notícia, José Carlos Machado, vice-prefeito de Aracaju lembrou da polêmica na eleição do ano passado e  afirmou que está de alma de lavada e que o caso já deveria ter sido resolvido há tempos. "Essa situação se arrasta há mais de 20 anos. Eles não tiveram competência de resolver a questão e começaram a denegrir a minha imagem. A coisa foi tão violenta que tive que recorrer à Justiça. Foi preciso um homem com sensibilidade e espírito de justiça ser eleito para resolver a situação. O fato é que a coisa está bem encaminhada. Toda a população de Aracaju e São Cristovão vão participar do plebiscito", disse.

PSTU lança cartilha “Luta Mulher”
O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) lança na sexta-feira, dia 22, às 19h, a cartilha 'Luta Mulher'. O evento será realizado na sede do partido, localizada na Av. Gasoduto, 1538b, no Conjunto Orlando Dantas, em Aracaju. A cartilha será apresentada por Vera Lúcia, presidente estadual do partido.

Pontos
De acordo com Vera Lúcia, a cartilha resume os principais pontos do programa do partido sobre a questão da mulher, trazendo os seguintes temas: o que é o machismo; mulher e trabalho; sexualidade e conhecimento da mulher sobre seu próprio corpo; a violência contra a mulher e outras questões.

Desafio de Aracaju
Ao destacar no Senado as comemorações dos 158 anos de Aracaju, a senadora Maria do Carmo (DEM) disse que há muita coisa a fazer e que a administração João Alves está disposta a transformar a capital numa cidade cada vez melhor. "Acima de tudo, temos o desafio de crescer e modernizar, sem sucumbir à violência que se alastra nas grandes cidades", discursou.

17 de Março: Defensoria não soube conduzir processo
É legitimo o trabalho da Defensoria Pública para garantir o direito a moradia de quem precisa. Porém, ontem,21, no 17 de Março, durante o cumprimento da ordem judicial de reintegração das moradias, o correto seria acompanhar os oficiais de justiça e quando da desocupação das casas cadastrar as famílias que estavam morando. Mas fizeram o cadastramento separado e com isso apareceram dezenas de outras pessoas, muitas delas oportunistas de plantão. Quando perceberam o erro, restou suspender o cadastramento.

17 de Março: Lucimara quer resposta da Prefeitura
A vereadora Lucimara relatou ontem na Câmara de Aracaju, o que viu na desocupação de famílias do bairro  17 de Março e cobra solução e, ao menos, uma resposta às pessoas que foram retiradas do cadastro anterior assim como às que foram desalojadas: "Começo minha fala registrando um episódio que considero uma afronta à prerrogativa de vereadora. Considero um desrespeito a todos os vereadores terem barrado minha entrada no bairro 17 de Março hoje, sob alegação de que minha presença iria atrapalhar a ação”, disse.

Cobrança
Feito o registro, a vereadora disse que foi  ao bairro 17 de Março não somente hoje (ontem) como nas últimas semanas porque fui procurada diversas vezes pelas famílias. “Cobrei diversas vezes que a Prefeitura encaminhasse uma assistente social ao local. Hoje o secretário de comunicação disse na mídia que 90% das pessoas que estão ali não precisam de moradia. E ontem à noite me deparo com matéria da TV Sergipe informando que foram sorteadas novas casas para novas 315 famílias. De onde vieram essas famílias, de que cadastro foram retiradas?”, questionou.

Questionamentos
Lucimara entende que as  pessoas precisam de respostas e não tem. “O que vai ser feito dos móveis? Não recebem sequer um comprovante. E as pessoas que estão na rua chorando com seus filhos? Falta coragem de enfrentar o problema. É mais fácil dizer que foi a administração anterior. E por que se negam a ir lá? Faço um apelo ao prefeito João Alves que venha dizer o que vai fazer com essas pessoas", revela a vereadora. Além disso, ela citou dois casos de famílias que já tinham seus contratos e foram informadas pela Prefeitura que foram substituídas pelas novas.

Síndrome de Down: luta pela cidadania e acessibilidade
Ao destacar o Dia Internacional da Síndrome de Down, comemorado ontem, 21, o vereador Lucas Aribé (PSB), disse na Câmara que a data é para homenagear essas pessoas que lutam pela cidadania e acessibilidade diariamente. A data é comemorada no mundo inteiro desde 2006 e tem o intuito de valorizar as pessoas com síndrome de down e lembrar a sociedade que é preciso um olhar diferenciado, com inclusão, cidadania e acessibilidade.

Dados
O parlamentar citou dados mostrando que  no Brasil, a cada 600 a 800 crianças, uma nasce com síndrome de Down. Trata-se de uma condição geneticamente determinada, causada pela alteração de cromossomo mais comum em humanos. A síndrome é conhecida também como trissomia do 21.

Movimento pela licitação
Já o vereador Max Prejuízo (PSB) anunciou na Câmara de Aracaju que vai lançar o “Movimento Licitação Já do Transporte Público”. "É fundamental que se esclareça o fato de que o transporte público é explorado de forma totalmente irregular e precária em Aracaju”, lembrou.

Lançamento
O “Movimento Licitação Já do Transporte Público” será lançado no próximo dia 4/4, às 19h, no Plenário da CMA – Câmara Municipal de Aracaju. O parlamentar comunicou que serão convidados, além dos vereadores da capital sergipana, vereadores de outras cidades que englobam a Grande Aracaju e representantes dos segmentos organizados.

Maria Mendonça convida para a “Hora do Planeta”
O movimento global a ‘Hora do Planeta’, que acontece em todo mundo no dia 23 de março (sábado), das 20h30 às 21h30, ganhou mais uma vez o apoio da deputada estadual Maria Mendonça. A parlamentar discursou na tribuna convidando os sergipanos a aderirem ao movimento que busca por um mundo sustentável. “Vamos apagar as luzes. É um gesto simbólico para chamar atenção do mundo para a questão do efeito estufa e os cuidados com o nosso planeta”, observou.

Reflexão sobre aquecimento global
Maria Mendonça disse que o ato estava marcado, em Aracaju, para o Mirante da 13 de Julho e que seria realizado também em Itabaiana, onde ocorre desde 2011, na Praça general João Pereira. O movimento Hora do Planeta é promovido pela ONG World Wildlife Fund (WWF-Brasil). O ato consiste em apagar as luzes não para economizar energia, mas para promover uma reflexão sobre o aquecimento global e os problemas ambientais que a humanidade enfrenta.

Mobilização mundial
“Essa é a maior mobilização do mundo, os indivíduos se reúnem, os governos, as entidades, todos mostram o poder do impacto coletivo quando buscamos algo que faça diferença na comunidade. Isso é necessário para acordar o planeta, fazer valer o direito a um planeta que está sendo aos poucos devastado, destruído”, disse Maria Mendonça, lembrando que a iniciativa começou na Áustria, em 2007, quando houve o apagar das luzes com a participação de dois milhões de pessoas por uma hora.

DEM atravanca envio do Proinveste à Assembleia
Valter Lima, do Sergipe 247 – Realmente, não está sendo fácil finalizar integralmente os encaminhamentos relacionados ao Proinveste. Quando tudo parecia caminhar bem para que o projeto fosse enviado à Assembleia Legislativa nesta semana, uma indefinição entre as lideranças do DEM emperrou o andamento da proposta.

Obras
Segundo parlamentares ouvidos pelo Sergipe 247, o deputado estadual Augusto Bezerra e o prefeito de Aracaju, João Alves Filho, não teriam chegado a um consenso sobre a indicação do partido para o Proinveste. Enquanto João pediu a inclusão da Avenida Perimetral Oeste, na capital, Bezerra solicitou recursos para a estrada que vai ligar São Miguel a Feira Nova. Para a via, serão necessários entre R$ 13 milhões e R$ 15 milhões.

Convencimento
“O governador Marcelo Déda abriu mão da ponte que ligaria a Avenida Tancredo Neves ao bairro Coroa do Meio para direcionar recursos para a nova avenida, que João irá construir. Agora, a oposição solicitou uma parte dos recursos da ponte para a estrada São Miguel – Feira Nova, por indicação de Augusto Bezerra. Este é o único problema. João deve estar tentando convencer Augusto sobre a obra da avenida de Aracaju”, afirmou uma fonte, que pediu anonimato.

Estacionamentos: audiência para resolver impasse
Na manhã de ontem, 21, a deputada estadual Ana Lúcia (PT) voltou a argumentar no plenário sobre o equívoco na decisão do TJ/SE ao conceder a liminar à Faculdade Pio X e à Universidade Tiradentes permitindo que estas voltem a cobrar a taxa de estacionamento. A decisão é contrária a Lei 7.595 de autoria da deputada Ana Lúcia e do deputado Venâncio Fonseca (PP), promulgada pela Assembleia Legislativa, que regulamenta o Código de Defesa do Consumidor.

Urgência
“Gostaria de apelar a essa casa, porque pela primeira vez o colegiado aprovou uma lei por unanimidade e foi promulgada e, nesse sentido, solicitar a presidenta Angélica Guimarães que agende em caráter de urgência uma audiência com o presidente do judiciário, para que nós dois e os outros colegas possamos esclarecer esse equívoco, pois esta casa é um poder tanto quanto o judiciário e o executivo. Está gerando um conflito de dois poderes sem nenhuma necessidade”, pleiteou Ana.

Geap em Apuros
Matéria do Correio Brasiliense de ontem,21: A Fundação de Seguridade Social (Geap), entidade fechada de previdência complementar, terá que fazer licitação para selecionar os órgãos públicos que queiram fazer com ela convênio de assistência de saúde para seus funcionários. Ontem, o Supremo Tribunal Federal (STF) negou o pedido feito por 18 entidades de classe de servidores, em nove mandados de segurança, contra o entendimento do Tribunal de Contas da União (TCU) de que apenas os quatro patrocinadores originais possam ser assistidos sem licitação. Com a decisão, cerca de 250 mil segurados – grande parte acima de 60 anos – poderão ficar sem cobertura  médica.

Geap em Apuros II
O placar no STF, de oito votos a três, foi desfavorável à Geap. A ministra Cármen Lúcia observou, quando votou em 2010, que o fato de os convênios terem sido firmados sem licitação e de o conselho gestor da fundação ser constituído somente por integrantes dos quatro órgãos que instituíram a Geap limitam a possibilidade de a entidade ter acordos com outros órgãos públicos.

Geap em Apuros III
O julgamento do caso foi retomado ontem, mais de três anos depois de ser interrompido por um pedido de vista do ministro Ricardo Lewandowski. Ele votou pela validade da decisão de 2004 do TCU, segundo a qual todos os órgãos diferentes daqueles para os quais a entidade foi criada ficam proibidas de firmar convênios com a Geap.À época, eram apenas 21 órgãos da esfera governamental. Eles estão autorizados pelo STF a permanecerem parceiros da Geap até o término do prazo de vigência dos contratos, "ficando proibida sua prorrogação ou renovação", diz a sentença.

Geap em Apuros IV
O ministro Teori Zavascki, o último a votar no caso, seguiu ontem o ministro relator, Carlos Ayres Britto (aposentado), e assinalou que, "para ser uma entidade de autogestão, ela (Geap) deve surgir a partir da iniciativa de servidores, que, para buscar a prestação de saúde por preços abaixo do mercado, põe-se a administrar os seus planos e seguros de saúde. Para isso, é imprescindível que todos os grupos de servidores se façam representar no órgão de gestão da entidade".Primeiro a votar no julgamento, em 2010, Ayres Britto, havia defendido a manutenção dos convênios que a entidade possui. Ela poderia continuar firmando acordos com outros órgãos sem qualquer prejuízo aos cofres públicos, desde que os convênios fossem feitos somente com órgãos federais. Britto, porém, acabou sendo voto vencido.

Geap em Apuros V
De acordo com o conselheiro da Geap Márcio Freitas, a entidade é a única opção de assistência à saúde para grande parte dos servidores federais. "A instituição hoje representa mais de 600 mil vidas e 50% desse total são de pessoas na faixa etária acima de 60 anos, que provavelmente o mercado de planos privados não vai absorver, pela elevada idade e por serem mais caros. Muitos estão fazendo tratamento e têm a Geap como única opção", alertou. Atualmente, segundo ele, a entidade conta com 89 patrocinadoras.

Geap em Apuros VI
A Geap foi criada em 1945 pelos ministérios da Previdência e da Saúde, pela Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência Social (DataPrev) e pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), com o objetivo de garantir atendimento médico aos seus servidores. Atualmente, ela mantém convênio com 88 órgãos nos 26 estados e no Distrito Federal. São 596.410 mil segurados, sendo 264.607 acima de 60 anos. Nos últimos anos, a entidade acumulou perdas calculadas em R$ 300 milhões.

Festival de Teatro
Entre os dias 27 de março e 9 de abril, Aracaju se transformará em um verdadeiro palco para os artistas locais. É que neste período estará acontecendo o III Festival Sergipano de Teatro, evento realizado pelo Governo do Estado através da Secretaria da Cultura e Instituto Banese. Em quatorze dias de festival serão apresentados 19 espetáculos sendo 16 sergipanos e três de outros Estados, que se revezarão em apresentações nos Teatros Atheneu, Lourival Baptista e Tobias Barreto, além da Praça Fausto Cardoso, no centro de Aracaju. Para saber mais e ter acesso a programação completa acesse http://cultura.se.gov.br.

Fórum vai debater financiamento da Saúde
O conselheiro estadual da Paraíba, Marcelo Melo da Silva, esteve nos dias 20 e 21 de março, em Aracaju, participando das discussões e dando suporte técnico para a realização do 7º Fórum Norte Nordeste de Conselhos Estaduais de Saúde e de Capitais que acontecerá no próximo mês de junho em Aracaju.

Elaboração
Marcelo que veio a convite do Conselho Estadual de Saúde, para contribuir com a elaboração do evento que será sediado em Sergipe, disse que a sua participação tem como intuito contribuir para que o Fórum seja o mais exitoso possível na contribuição das proposições dos Conselhos, na troca de experiências bem sucedidas como também as suas fragilidades junto com as fragilidades das Secretarias Estaduais de Saúde do Norte Nordeste.

Avanço
O Fórum segundo o conselheiro representa um avanço grandioso no controle social, por ser um espaço onde os conselhos de saúde vêm dialogando entre si essas experiências que vem avançando e ao mesmo tempo apresentando as fragilidades em outros conselhos, e que acaba sendo fragilidades e avanços comuns do Norte e Nordeste.

Propriá terá Ponto do Empreendedor
A classe empresarial de Propriá e municípios circunvizinhos tem uma importante notícia para comemorar, o Ponto do Empreendedor Felix Moura da Silva, que será inaugurado no dia 26 de março, terça feira, às 19h. No local, empreendedores em geral terão acesso a informações importantes sobre gestão dos negócios, poderão tirar dúvidas, participar de capacitações, enfim, obter informações que poderão ajudar administrar seus negócios.

Local
Localizado na Avenida José Conrado de Araujo, 330, Centro, Propriá – SE (Antiga Escola Técnica), o Ponto do Empreendedor será ocupado por Agentes de Desenvolvimento, que prestarão diversos tipos de orientação empresarial.

Veículo insuperável
O rádio continua sendo, por vários motivos, um veículo de comunicação insuperável. Em ordem cronológica, só não é mais antigo do que a imprensa escrita. No Brasil, sua introdução data de 1922. Depois dele, vieram a televisão, a internet, as redes sociais e outras ferramentas importantes. Mas é, ainda, o rádio, principalmente depois da descoberta que possibilitou a criação do rádio de pilha, portátil, em 1947, um veículo de exponencial importância. A televisão veio em 1950. E o rádio prosseguiu sem ser superado.

Veículo insuperável II
Mesmo hoje, com toda a evolução tecnológica, o rádio ainda ocupa um lugar especial no setor da comunicação social. A associação das descobertas de Marconi e Hertz (telégrafo e ondas sonoras) possibilitou à Humanidade dar um passo de gigante. E em nosso país não foi diferente. Por isso, o rádio é considerado um veículo imbatível. Ou, pelo menos, insuperável.

Social
O mês de março apresenta uma imensa lista de profissionais da comunicação que mudam de idade. A seguir, alguns deles, aos quais o Blog envia votos de saúde e paz: Jairo de Almeida (Rádio Cultura) – Augusto Jr. (Rádio Jornal) – Otacílio Leite (Liberdade 930 AM) – Paulo Lacerda (Jornal) – Reginaldo Gouveia (Cultura) – Ivan Tavares (Jornal).

Radiojornalismo
O horário das 6 às 9 horas da manhã continua sendo o mais nobre do rádio em Sergipe. Nesse espaço, várias emissoras AM e FM apresentam programas jornalísticos, voltados para a cobertura dos principais fatos do dia. Destacam-se entre os principais deles: Balanço Geral , Jornal AM, Augusto JR; Programa Impacto, Ilha FM, Gilmar Carvalho; A Hora da Verdade, Megga FM, George Magalhães; Linha Direta, Cultura AM, Jairo Alves; Liberdade Sem Censura, Liberdade FM, Evenilson Santana; Bom dia, 930, Liberdade AM, Otacílio Leite. Jornal da Manhã. Com uma duração menor, das 07.00 às 08.30 horas, a Jovem Pan Aracaju apresenta a edição local, logo após o segmento nacional, tendo como apresentadores André Barros e Rosalvo Nogueira. Participação especial do médico e empresário da comunicação Antonio Lomes.

Festejos juninos
O Presidente da Secretaria Municipal de Cultura Josenito Vitale recebeu no dia de ontem representantes da Associação Movimento Salve com uma pauta de reivindicações para toda a categoria de associados que em sua maioria músicos que já visam os festejos juninos, "acredito que teremos amplas possibilidades de entendimento com os dirigentes municipais, pois ao longo desses seis anos de governo Marcelo Deda só amargamos" disse o presidente do Movimento Salve Tonico Saraiva.

Vem aí o Sarau Dominical…

O Sarau Musical  Entre Amigos que acontece um sábado por mês(t amanhã, 23) tem propiciado um grande lazer para os adeptos da boa música, com o sucesso do Sarau no sábado teremos também o "Sarau Dominical" que terá sua estreia no próximo dia 14 de abril.O ambiente é convidativo, tem uma freqüência de pessoas seletas além de reunir os mais notáveis músicos de Sergipe.Atrações deste Sábado: Djalma, Medeiros, Cléber, Félix e Convidado Especial:Erivaldo de Carira. O Sarau Musical Entre Amigos tem o apoio da Nova Schin, Gleide's Buffet, Postos Presidente, Sindifisco, Vange Produções, Sergipe Eventos, Toldos Deda, Café do Museu da Gente Sergipana, Movimento Salve e  "Samba de Moça Só". Contato: (79) 9977-3304.        

Pós-Graduação – Faculdade Amadeus
Cursos: Gestão de Pessoas e Psicologia Organizacional – 4ª turma. Aulas à noite, uma vez por semana (terça-feira). Início 09 de Abril. Investimento: 18 x R$ 180,00.Mais informações: www.faculdadeamadeus.com.br (79) 2105-2039/2105-2050

Inauguração 
A Cosil inaugurará na próxima terça-feira (26) mais um sucesso de vendas. Durante coquetel, a empresa brindará com clientes, colaboradores e parceiros a construção do 'Clube Atalaia'. A noite promete ser das mais animadas, com a presença de diretores da Cosil e proprietários de apartamentos no residencial. "Será um momento de comemoração e integração entre os moradores", Rita Tcacenco, gerente de Relacionamento com o Cliente da Cosil.

Futebol
É, verdadeiramente, um absurdo inominável um clube ganhar o primeiro turno de um campeonato e não ter garantida sua presença na final. Mas isso não é “privilégio” do futebol sergipano. No certame bandeirante, por exemplo, acontece a mesma coisa. O primeiro turno, em andamento, servirá apenas para classificar os primeiros colocados para as semifinais/finais. No caso daqui, o Sergipe, vencedor da Taça Governo do Estado, correspondente ao primeiro turno, não está nas finais. Mas já garantiu uma das vagas para a Copa do Brasil de 2014. /// A Comissão de Arbitragem da Federação Sergipana de Futebol tem como titular o coronel Marconi. Não pode ser apenas uma coincidência. Na maioria das demais entidades estaduais, o setor que comanda as arbitragens tem como titular um militar. /// Aqui em Sergipe, os mais antigos devem lembrar-se, a presença de árbitros militares era acentuada. Isso foi durante a ditadura, implantada em 1964 e que durou até 1985. Francisco de Aguiar Siqueira (já falecido), Antonio Vieira de Góis, Laerson Ribeiro dos Anjos, José Américo Beata são exemplos marcantes desse período. /// Como se sabe, o atual presidente da CBF, José Maria Marin, chegou a ser governador de São Paulo, substituindo Paulo Maluf. O referido político e agora dirigente desportivo substituiu Ricardo Teixeira na Confederação Brasileira de Futebol. Detalhe: o presidente renunciante continua prestando “consultoria” à CBF, recebendo um modesto pró-labore de 120 mil reais por mês. /// Classificação atualizada do campeonato sergipano: 1. Socorrense (16); 2. Sergipe – 15; 3. Confiança – 15; 4. River Plate – 11; 5. América – 11; 6. Olímpico – 11; 7 – Itabaiana – 9; 8 – Lagarto – 7; 9. Estanciano – 7; 10. Boca Junior – 7. /// PRÓXIMA RODADA – Amanhã, sábado – Socorrense X Sergipe. Domingo – América X River Plate – Olímpico x Itabaiana – Estanciano X Boca Junior e Confiança X Lagarto.

Futebol II
A seleção brasileira melhorou bastante seu desempenho no amistoso de ontem, em Genebra, na Suíça, especialmente no primeiro tempo, quando impôs seu ritmo diante da equipe italiana. Fred, aos 33 minutos e Oscar, aos 42, assinalaram os tentos do Brasil. No intervalo, enquanto o treinador da Itália conseguiu corrigir as falhas do primeiro tempo, Scolári manteve três atacantes e só reforçou o meio-de-campo quando o adversário já tinha tomado conta do jogo. Assim é que logo aos 8 minutos, De Rossi fazia o primeiro gol dos italianos. E aos 29, Balotelli marcou um belo gol. Nesse lance, o goleiro Júlio César estava muito adiantado, o que facilitou a finalização da jogada. Mas salvou o Brasil em pelo menos três oportunidades, praticando ótimas defesas. Scolári não foi feliz nas modificações que processou. Deveria ter tirado Hulk, que não jogava bem e acionado Kaká mais cedo. No segundo tempo, foram bem maiores as chances da seleção italiana. E mais uma vez ficou evidenciado que Neymar não consegue atuar na seleção como o faz, costumeiramente, no Santos. Enfim, o resultado de 2 X 2 premiou as duas equipes, vez que cada uma foi melhor em um dos tempos. O próximo adversário do Brasil será a Rússia, na segunda-feira (25), em Londres. Prossegue a preparação do Brasil para a Copa das Confederações. Ainda sobre o jogo de ontem, o sergipano Diego Costa, que atua no Atlético de Madrid, foi lançado nos minutos finais e, portanto, teve muito pouco tempo para mostrar o seu valor.

Frase 
“Quero morrer jovem em uma idade avançada.” – Max Lerner, jornalista.

MEMÓRIA -Aconteceu há 71 anos – (1942)
Janeiro – É criado o SENAI – Serviço Nacional da Indústria.
Fevereiro – Fundação da UNE – União Nacional dos Estudantes. – Falece Epitácio Pessoa.
Junho – É criada a Companhia Vale do Rio Doce.
Agosto – O Brasil entra na Segunda Guerra Mundial, ao lado das nações aliadas e contra as chamadas potências do Eixo (Alemanha, Itália e Japão).
Setembro – Blecaute (apagão) dura três dias em Copacabana, no Rio de Janeiro.
Novembro – O cruzeiro substitui o real (conto de réis), como moeda. – Fundação da Associação Brasileira de Escritores.

Curtas
Governo dá ultimato e oferece áreas para abrigar índios do Maracanã. /// No Rio de Janeiro, sobe para 31 o número de mortes por causa das chuvas em Petrópolis. /// Relator do novo Código Penal afirma: “Decisão sobre aborto é dos parlamentares.” /// Deputado Jean Wyllys recebe ameaças e pede reforço na segurança. /// Mantega garante que será sentida em 15 dias a queda do preço dos itens da cesta básica. /// Governo do Distrito Federal anuncia que abriu mão de 106 bilhões para reduzir impostos. ///Justiça determina a perda de bens de grupo ligado a Cachoeira. /// Presidente da Câmara, Henrique Alves, declara que permanência de Feliciano está insustentável. /// Novo mapa mostra que o UNIVERSO é mais velho do que se imaginava. /// Joaquim Barbosa defende fim de sigilo na busca de processos do STF. /// Valor mínimo para TED (transferência eletrônica) entre bancos agora é 1 mil reais. /// Pelé inscreve filho de 16 anos para jogar o campeonato paulista da categoria sub-17. /// EDITORA ABRIL e HOSPITAL SÍRIO-LIBANÊS mantêm sigilo absoluto sobre a saúde de Civita./// Eduardo Cunha, líder do PMDB na Câmara, vira réu no Supremo Tribunal Federal.

PELO TWITTER

www.twitter.com/zeehsoares  Não gosto da expressão "Você merece". Mérito é diferente de merecimento…

www.twitter.com/igormangueira  Meu conhecimento e minha humildade é o que me salva e me protege de todo mal.

www.twitter.com/JoseRaimundos   Em Sergipe tem um grupo de deputados que criou uma frente parlamentar pra proteger os animais. nada contra, mas pq ñ proteger vidas humanas?

www.twitter.com/higorfb   "Não  abaixe a cabeça  e nem  levante o nariz demais;Olho no olho já é o suficiente "

www.twitter.com/Evertonos   Tem dois dias que acordo ao som da chuva, faz me recordar do tempo de roça no meu sertão. Senhor Jesus leva chuva por povo do sertão!

www.twitter.com/AlberthoJorge1   O cara que se acostumou a vê ZICO, SÓCRATES, BRANCO, CARECA, etc,  ter que engolir Hulk, mata qualquer um de raiva…

www.twitter.com/Marcos Rodrigues  ‏@marcos_rm Me sinto nu sem meu iPod. 🙁

ESPECIAL/DOIS ARTIGOS SOBRE A POLÊMICA MÉDICOS

ARTIGO

  O que faltou dizer…   Gustavo Sales Ribeiro da Costa

Explicações sobre o texto “Desespero do CFM ou desespero da população?” de Gustavo Sales publicado no último dia 19 de março:

1.A alusão ao Nazismo não foi referente ao nome do interlocutor, e sim, à prática de repetir uma mentira até que ela assuma ares de verdade, por isso que citei a frase de Guebbels. Nem tenho intenção de ferir a imagem do respectivo, tendo em vista que nem o conheço. Combato idéias erradas, e não pessoas.

2.Gostaria de salientar que qualquer médico de qualquer país do mundo seja ele Latino-Americano ou não, é bem vindo pra trabalhar no Brasil, desde que comprove que domina nosso idioma, revalide o seu diploma e comprove que é tecnicamente capaz (agora entrar de maneira ilegal pela porta dos fundos não!)

3.Qualquer país sério no mundo, não autoriza entrada de médicos imigrantes sem antes obedecer a uma série de prerrogativas e normas previstas em lei (por ex: nos EUA um médico estrangeiro pra trabalhar lá, precisar passar por 03 etapas de prova chamadas de steps onde ele comprova não só ter o conhecimento de como examinar um paciente, como também da fisiopatologia das doenças e até conhecimento de toda a ciência básica biológica). Digite USMLE-UNITED STATES MEDICAL LICENSE EXAMINATION  no google e vc verá.

4.Estou tendo a preocupação de lhe escrever isto, porque nos últimos tempos denegrir a imagem do médico virou lugar comum, e como eu lhe falei não sou do SINDIMED, não sou conselheiro do CRM e não sou nem ligado a nenhum partido político, mas sou brasileiro, estudei muito pra passar num vestibular concorrido de medicina numa faculdade do MEC (Universidade Federal de Sergipe), são oito anos dedicados ao estudo (06 faculdade+02 residência), amo o meu país e não acho justo que agora de uma hora para outra o governo venha querer invadir o mercado com estrangeiros e mudar as regras conforme sua conveniência desrespeitando toda a legislação vigente e o que é pior expondo a saúde da população a risco.

5.Uma coisa que esqueci de falar é que a gestão do Exmo. ministro da Saúde Alexandre Padilha tem acertado no sentido de buscar solução para esse problema através do PROVAB, acho que foi uma idéia inteligente pois minimiza o problema da desassistência nos interiores, mas ele por si só não resolve a questão, pois como previamente lhe falei o problema é de estrutura (o sistema SUS é sub-financiado).

6.E pra terminar, lembrar a todos que a função primordial do médico é servir a população, e acredito piamente nisso, tanto que trabalho em dois hospitais públicos de Sergipe e procuro exercer minha profissão com dedicação e afinco. Aliás não sou só eu, mas vários colegas meus que procuram dar um bom atendimento aos usuários do SUS (mas infelizmente isto não dá ibope). Procure saber sobre o brilhante trabalho que é realizado na FBHC pela equipe de Dr. Teles na Cirurgia Cardíaca e Cardiologia, trabalho lá…

Por ultimo, por favor não publique isto, como eu lhe falei sou só um médico tentando viver dignamente e dar um atendimento digno aos meus pacientes, não sou político, não vivo de IBOPE, não aspiro a cargos comissionados, mas me sinto na obrigação de lhe esclarecer algumas verdades as quais eu vivencio no meu dia a dia. Dói muito ver um rapaz que ainda nem se formou médico apresentar um posicionamento tão agressivo contra a própria classe que o representará no futuro (chegar até a ser paradoxal!!). Você é um formador de opinião e como tal deve ter a prerrogativa de ouvir todos os lados e a partir da realidade que se apresenta, se posicionar sobre determinada questão.

Coloco-me à disposição sobre qualquer outra informação que você possa necessitar.

ARTIGO

Contrapondo-se ao texto Desespero do Conselho Federal de Medicina publicado em 18/03  por Henrique Kern Laydner – CRM/RS 27353

A falta de médicos no SUS é uma meia verdade. Falta-nos melhorar a graduação e a especialização (residência médica), além de distribuir melhor os profissionais. O Brasil tem 169 faculdades de medicina e uma população de 194 milhões. Os EUA tem 125 para 309 milhões. Dos médicos que aqui se formam, pelo menos 50% não tem vaga na residência.
Especialista é mão de obra qualificada e rara, portanto mais cara, como em qualquer atividade econômica. Onde o especialista encontra boa estrutura e remuneração digna se não nas grandes cidades?

O manifesto de Hermann Hoffman, cujo alto grau de miopia ideológica não permite ver além do que apontam os políticos que defende, é panfletário.
CFM e CRMs são autarquias, pessoas jurídicas de direito público, com autonomia administrativa e financeira, mantidos por anuidades dos que exercem a medicina. Os conselheiros não têm remuneração. Eles supervisionam a ética profissional e zelam pelo bom conceito da profissão. Por isso não se valida diplomas obtidos no exterior sem comprovar formação ao menos igual à nossa. Tanto os brasileiros quanto os estrangeiros formados no exterior apresentam baixos índices de aprovação nas provas de validação.  Diga-se que, nós médicos brasileiros, se quisermos exercer a medicina em qualquer outro país, também temos que revalidar nossos títulos com provas muito mais exigentes do que as daqui.
Ele fala em elevar o nº de médicos no interior. Em vez de importar gente com formação de qualidade questionável para trabalhar por migalhas, que tal valorizar o médico brasileiro dando verdadeiras condições de trabalho, acesso a medicamentos, equipamentos e laboratórios modernos e confiáveis, equipes de apoio multi-disciplinares e centros regionais que absorvam casos complexos. Que tal pagar um salário compatível com a responsabilidade da função? Criar um plano de carreira como no judiciário, em que o iniciante vai para o interior e progride para centros maiores?

Enfim, possibilitar que o médico dedique-se sem ter que acumular 3 ou 4 empregos para ter remuneração digna, comprometendo tanto seu tempo que nem consegue se atualizar.

Cita 1.000 médicos cubanos com "alta experiência" que virão ao Brasil. Conheço muita gente experiente com quem não trataria um resfriado. Quero ser tratado por gente bem formada e atualizada cientificamente. Diz que convênios parecidos estão em vigor em mais 100 países. Quais? Países mais miseráveis do que Cuba, sem condições de formarem corpo médico próprio? Cuba conta com 6,4 médicos por mil habitantes e o Brasil "apenas" 1,95 por mil. Em Demografia médica no Brasil lê-se: "O número ideal de médicos e leitos para uma população rural na Região Norte, onde um dos principais problemas de saúde é a malária, não pode ser o mesmo que o exigido na Região Metropolitana de São Paulo, que tem alta concentração de população urbana e cuja demanda por assistência médica e internação hospitalar tem como causas principais as doenças crônicas (ex: câncer e diabetes) e fatores externos (ex: acidentes de trânsito, homicídios e violência)."

Outro trecho deste estudo que ele critica, o qual, ao contrário do governo, demonstra a fonte de seus números e a metodologia para analisá-los: "O governo federal faz divulgar que o problema é a falta generalizada de médicos no Brasil, expressa em uma única taxa para todo o país. Mas o problema é outro: é a desigualdade na distribuição de médicos, com superconcentração de médicos no setor privado e em diversas cidades e regiões."

O Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab) já nasce desacreditado. Para poupar espaço aqui sugiro a leitura do site: http://www.academiamedica.com.br/o-misterioso-provab/
O projeto de Fidel Castro escreve ainda "é lucrativo para eles impedirem a entrada de novos médicos no sistema por todos os meios, sejam formados no exterior ou no Brasil, uma vez que muitos que conformam esta entidade dominam o mercado particular da assistência à saúde e se sentem ameaçados ao ver o Governo Federal buscar soluções para a atual situação que o próprio CFM ajudou a criar ao não impor regras claras para a obtenção do registro médico dos brasileiros formados nas universidades públicas e com o dinheiro da sociedade brasileira."

Poucas vezes vi tanta besteira escrita em tão pouco espaço. Se nosso brilhante e eficiente governo está trazendo médicos para atender pelo SUS no interior do interior, como estes seriam ameaça de concorrência para os "dominadores" do mercado privado? Que situação o CFM ajudou a criar? Quem cria vagas de residência nos hospitais públicos ou em convênio com instituições privadas é o MEC.

As regras para registro médico dos brasileiros formados nas universidades públicas são bem claras. Eu me formei em universidade pública, enviei meu diploma ao CFM através do CRM e obtive meu registro.
O argumento de que a formação é paga pela sociedade é uma distorção ideológica, pois exclui o estudante e sua família como parte da sociedade financiadora da educação pública. As universidades particulares também recebem incentivos públicos, então seus egressos deveriam cumprir o serviço médico obrigatório proposto pelo órfão do Hugo Chavez. Durante toda minha faculdade e residência médica atendi única e exclusivamente pacientes do SUS, num total de 9 anos. Depois trabalhei em hospitais públicos, cuja remuneração defasada tornou-se tão pouco atrativa que me levou a ficar só com a atividade privada. E tenho apenas 5 anos de especialidade. Mantivesse um emprego público, com contrato regido pela CLT, minha renda encolheria uns 30% e minha carga horária aumentaria 30%. A matemática é simples e, diferentemente dos políticos, não mente.

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

  
Frase do Dia
“….Pois é, mas assim mesmo sou feliz da vida/Pois eu não devo nada a ninguém…” Trecho da música País Tropical de Jorge Ben-Jor,músico e compositor brasileiro, que completa hoje, 22 de março, 68 anos.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários