Rogério Carvalho no escurinho do Orçamento

0

Causou estranheza o voto do senador Rogério Carvalho (PT) favorável ao projeto mantendo em segredo sobre como foram gastos os bilhões do Orçamento da União. Ora, por que o petista se rebelou contra o Artigo 37 da Constituição Federal, que impõe à administração pública o princípio da publicidade. Graças ao voto de Rogério, a Câmara Federal e o Senado não precisam prestar contas sobre como foi usada uma verdadeira fortuna do Orçamento Secreto. Seria interessante que o senador petista revelasse aos sergipanos os motivos que o fizeram votar para que o destino de recursos públicos seja mantido à sete chaves. Por que Rogério se rebelou contra a transparência, preferindo apoiar o subterfúgio inconstitucional, usado malandramente para “comprar” apoio de congressistas na calada da noite? A quem interessa proteger este nefasto escurinho do Orçamento, esta afronta ao contribuinte? Com a palavra o distinto senador, que jura ser oposição ao governo Bolsonaro. Marminino!

Boca de siri

A maioria da bancada federal de Sergipe votou contra a transparência. Disseram sim ao escandaloso projeto do Orçamento Secreto os deputados Bosco Costa (PL), Fábio Mitidieri (PSD), Fabio Reis (MDB), Gustinho Ribeiro (Solidariedade), Laércio Oliveira (PP), Valdevan Noventa (PL) e os senadores Rogério Carvalho (PT) e Maria do Carmo Alves (DEM). Apenas os deputados Fábio Henrique (PDT) e João Daniel (PT), além do senador Alessandro Vieira (Cidadania), foram contra a manutenção do segredo sobre como gastaram o dinheiro do povo. Misericórdia!

Casa nova

Após passar um bom tempo sem partido, o presidente Jair Bolsonaro se filia hoje ao PL. Em Sergipe, a legenda é dirigida pelo dublê de político e empresário Edvan Amorim. Entre os filiados se destacam o ex-prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho e o deputado federal Valdevan Noventa. A exigência do capitão de pijama para se filiar ao PL é que o partido não faça aliança com a oposição em nenhum estado. O recado de Bolsonaro vale principalmente para Valmir, que tem conversado abertamente com o PT sobre as eleições de 2022. Crendeuspai!

Governo contraditório

O governo de Sergipe revelou-se contraditório ao condenar a exigência do passaporte de vacina pelo Tribunal de Justiça. Ora, como o governador Belivaldo Chagas (PSD) pode ser contra a correta providência do TJ, se ele mesmo assinou decreto exigindo o comprovante vacinal para o torcedor ter acesso aos estádios de futebol? E por que não acionou a Prefeitura de São Cristóvão, que também exige o passaporte da vacina? Talvez seja por essa incoerência que, maldosamente, as línguas ferinas têm espalhado que, ao impetrar uma reclamação no Supremo Tribunal Federal, o Executivo quis constranger a Justiça sergipana por ter cassado os mandatos do governador e da vice Eliane Aquino (PT). Home vôte!

Um francês na terrinha

E quem deu com os costados, ontem, na Prefeitura de Aracaju foi Hugues Fantou, cônsul-geral da França em Recife. O fidalgo veio conhecer a capital sergipana e conversar com o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) sobre futuras parcerias, além da possibilidade de investimentos franceses aqui na terrinha. Durante a audiência com o pedetista, Hugues Fantou elogiou “a limpeza e a ordem que reinam em Aracaju”. Ah, bom!

Mulheres de peito

A Associação Mulheres de Peito bateu, hoje, na porta do Ministério Público de Sergipe para denunciar a Secretaria da Saúde de Aracaju, que insiste em negar as constantes cintilografias para pacientes oncológicos. Na manifestação desta terça-feira no MPE, as mulheres também protocolaram uma denúncia contra a gestão municipal e pediram que os promotores de Justiça investiguem o que está acontecendo na Secretaria da Saúde. Danôsse!

Luto

A classe empresarial está de luto com a morte prematura de José Carlos Quintino de Moura, diretor-conselheiro da Federação do Comércio de Sergipe (Fecomércio). Ele foi vítima de um infarto fulminante no domingo à noite. José Carlos Quintino também diretor do Conselho Regional de Representantes Comerciais e do Sindicato dos Representantes Comerciais do Estado de Sergipe. O velório e o sepultamento ocorreram no Cemitério Colina da Saudade, em Aracaju. Descanse em paz, amigo!

Fux contra André

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, acabou com a esperança do ex-deputado André Moura (PSC) de se beneficiar com o empate na votação de um processo contra ele. No entendimento de Fux, o empate no julgamento de uma ação penal não absolve o réu. Em setembro, a votação em um processo contra Moura terminou empatada. O ministro Gilmar Mendes ponderou que, neste caso, fosse decidido em favor de Moura, mas Fux disse não, deixando para o futuro ministro desempatar. Na mesma sessão, André foi condenado em outros dois processos, ficando inelegível. Arre égua!

Congresso do PSB

O PSB sergipano realiza, no próximo dia 4, seu congresso estadual para eleger os integrantes do Diretório e da Comissão Executiva. Os socialistas devem reeleger Valadares Filho para continuar presidindo o PSB até 2024. Ao convidar os filiados para o Congresso, Vavavinho ressaltou a história, o protagonismo e os serviços prestados pelo PSB em Sergipe. Então, tá!

Dinheiro na mão

O servidor estadual embolsa hoje o salário deste mês o décimo terceiro. Com o pagamento da folha de pessoal e do 13º salário, o governo injeta cerca de R$ 450 milhões na economia sergipana. Os pensionistas e aposentados que ganham até R$ 6 mil já receberam a última parcela do 13º no mês passado. A Prefeitura de Aracaju pagou os salários de novembro na semana passada, injetando no mercado sergipano algo em torno de R$ 70 milhões. Supimpa!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Estado de Sergipe, em 27 de dezembro de 1936

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais