Uma ponte e o pescador que salvou o governo de uma nova tragédia

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Definitivamente, ou o governador Belivaldo Chagas aproveita o fim de ano para pedir que todo os auxiliares coloquem seus cargos comissionados à disposição ou então joga a toalha de uma vez e assume a responsabilidade sozinho de tudo que está acontecendo em Sergipe.

O episódio da semana passada – que para variar boa parte da imprensa não teve o discernimento de mostrar a incompetência do governo – onde um pescador fez um vídeo que viralizou nas redes sociais mostrando que a ponte Pirambu/Japaratuba se encontra com graves problemas, mostra mais uma incompetência de um governo cheio de comissionados que não têm coragem nem mesmo de fiscalizar o estado de conservação das pontes e dos prédios públicos.

Ou seja: foi necessário um pescador fazer um vídeo dos pilares da ponte Pirambu/Japaratuba para que o governo do Estado fizesse a interdição da mesma. Não existe uma avaliação preventiva dos órgãos responsáveis?

A tragédia da caixa d`água da Deso que caiu matando duas crianças por falta de fiscalização completou dois anos. Por muito pouco, outra tragédia foi evitada na ponte Pirambu/Japaratuba. E os laudos técnicos? A sociedade, principalmente a população de Pirambu, precisa ter conhecimento.

Belivaldo, se não quiser continuar tendo picos de pressão alta tenha a coragem de pensar que 2020 pode ser melhor: basta ter coragem de mandar para casa uma penca de comissionados que não fazem suas obrigações.

Ou então se não tem coragem e está “amarrado” até os dentes, com os “compromissos” políticos, pelo menos nomeie o pescador para fiscalizar todas as pontes.

A sociedade sergipana agradece…

O vídeo do pescador para quem ainda não assistiu:

 

Nota Pública A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade, Sedurbs, por meio do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe, DER, juntamente com a Defesa Civil Estadual, fez, na manhã do dia, 22, uma vistoria na ponte que fica sobre o rio Japaratuba, na rodovia SE-100, município de Pirambu, litoral Norte do Estado. Depois de avaliar a situação da ponte ficou decidido que será feita, hoje à tarde, a interdição preventiva da ponte para garantir a segurança de quem transita pelo local.Os serviços de recuperação já começam a ser feitos a partir da próxima segunda-feira, 25, e devem durar uma média de 180 dias. Serão colocadas barreiras de proteção para ninguém passar pela ponte, nem pedestres. A interdição tem o apoio da Prefeitura Municipal de Pirambu.

Solidariedade a juíza Tatiane Danusa Gusmão Num país onde é preciso fortalecer as instituições como forma de consolidar a democracia é lamentável que, por conta de questiúnculas partidárias, a juíza de Itabaiana, Tatiane Danusa Gusmão, seja chamada de fantoche por um radialista local, porque anulou a eleição para a Câmara Municipal de Itabaiana. “Fico com uma pulga atrás da orelha e não consigo entender é como a juíza de Itabaiana se deixa levar sabe e também ser feita de fantoche o judiciário”, foi o que disse o radialista A lex Henrique na Rádio Capital do Agreste.

Repercussão negativa E o blog foi informado que a suspeição levantada pelo radialista terá sérias consequências. Quem acusa tem que provar. Aliás, lá mesmo em Itabaiana o radialista Carlos Ferreira levantou a questão. A AMASE, que congrega os magistrados saiu com uma nota prestando solidariedade a juíza de Itabaiana e prestará apoio necessário para que ela tome as medidas judiciais cabíveis. A nota está publicada nesta edição do blog. Como bem disse Carlos Ferreira decisão judicial se combate com recurso e não denegrindo o julgado isento e honesto.

Ivoni e a falta de transparência Bastante complicada a situação em que se encontra a presidente da Câmara de Vereadores de Itabaiana, Ivoni Andrade (MDB), que enfrenta decisão judicial anulando sua eleição para o comando do legislativo itabaianense. Mas esse pode ser o menor dos problemas dela, pois outras questões do legislativo itabaianense, sob o comando de Ivoni, começam dar mais o que falar do que a anulação em si. Chama a atenção, por exemplo, o fato de que de janeiro a setembro deste ano a Câmara produziu 227 portarias, mas apenas 108 delas foram devidamente publicadas. Isso quer dizer que as demais 119 ainda não são públicas e acessíveis a qualquer cidadão.

  Farra de salários pra CCs E as tais portarias GFC, que tratam de gratificações para os comissionados da Câmara de  Itabaiana? No mesmo período das demais portarias, 20 foram feitas, mas apenas 5 foram publicadas. E quando se chega aos salários dos comissionados ligados à presidência, nomeados diretamente por Ivoni, os números assustam pela disparidade. No caso do cargo comissionado de Assessor de Comunicação Social, o salário saltou de R$ 3.167,02 em setembro de 2018, antes de Ivoni assumir a presidência, para R$ 5.167,34 líquidos no mês passado, nesse caso por decisão e vontade da própria Ivoni.

 Aumentos desproporcionais Este espaço, apesar de sempre contestar e exercer a crítica com o intuito de esclarecer a sociedade e de colaborar com a utilização correta dos recursos públicos, não aponta o dedo de forma acusatória para ninguém. E por isso mesmo não acusa a presidente da Câmara de Itabaiana de nada. Mas considera desproporcional e fora da realidade econômica brasileira aumentar o salário, por exemplo, de Diretor Geral, cargo também comissionado, de R$ 4.648,50, no final do ano passado, para os atuais R$ 7.447,76. Ou Ivoni está “nadando” em dinheiro na presidência da Câmara de Itabaiana, já que é dela a decisão desses aumentos salariais absurdos, ou alguma coisa está muito errada no comando do legislativo itabaianense.

Declaração de Laércio Oliveira “A esquerda se lambuzou na corrupção” mostra que ele não quer dividir palanque com Edvaldo, Jackson e Rogério A declaração do deputado federal Laércio Oliveira, ao jornalista Joedson Teles, do site Universo Político, mostra que ele enxerga que disputará o governo contra o senador Rogério Carvalho. Mas, mostra também que Laércio não pretende dividir palanque com o comunista Edvaldo Nogueira. E certamente, ainda hoje, o ex-governador Jackson Barreto e Rogério Carvalho, apoiadores de Lula, vão cobrar de Edvaldo uma resposta a afirmação de Laércio, de que “a esquerda se lambuzou na corrupção.” gora sim, a bola entra em campo, e cada um terá que escolher em que time vai atuar.

Deputado Gustinho Ribeiro propaga fake news e será denunciado à polícia Deu no Hora News A Lei das Fake News Já está em pleno vigor e a primeira pessoa que poderá ser punida em Sergipe é um deputado federal. Isso mesmo. O deputado Gustinho Ribeiro como político ao invés de vítima poderá virar réu, uma vez que compartilhou uma notícia escandalosamente falsa.O parlamentar publicou uma fake news afirmando que seus adversários políticos no município de Lagarto estavam invadindo a Prefeitura da cidade para agredir a prefeita e seus secretários. Nesta segunda-feira o deputado federal Fábio Reis e o ex-deputado federal Sérgio Reis irão à Delegacia Regional de Lagarto prestar queixa-crime contra o deputado federal Gustinho Ribeiro por propagar notícia falsa.

2020: Calendário de pagamento dos servidores estaduais é definido pelo governo. Calma, apressado, é no Maranhão. E o governador do Maranhão Flávio Dino, PCdoB, publicou no Diário Oficial do Estado o calendário de pagamento dos servidores para todo o ano de 2020. E caso haja viabilidade financeira pode até antecipar o pagamento. O Maranhão fica no mesmo País aonde fica o governo de Sergipe né? Ou o blog está enganado?

Capela: prefeita diz que foi ameaçada de morte e apanhou do ex-marido Sukita A prefeita de Capela (SE), Silvany Manlak, concedeu entrevista ao Jornal da Fan segunda edição, pela Fan Fm Carmópolis (94.3), na sexta-feira, 22.A gestora é ex-companheira do também ex-prefeito de Capela, Manoel Messias Sukita. Ela revelou detalhes da relação íntima dos dois. Silvany disse que já foi ameaçada de morte e chegou a apanhar do ex-marido. Ela ainda se emocionou ao lembrar dos momentos terríveis, que segundo ela teria enfrentado ao lado de Sukita. Toda matéria e o áudio aqui.

Será litigância de má fé? E em meio aos vários problemas o governador Belivaldo Chagas enfrenta agora, através de uma empresa estatal  processo trabalhista por ex-comissionados. O problema é que quando um funcionário público vai para uma empresa estatal e assume um cargo não está sujeito as regras da empresa, como recolhimento de FGTS e outros benefícios. Só que tem gente que perdeu o cargo e ingressou com ação trabalhista. Segundo um procurador do Estado consultado a ação não tem eficácia, já que a pessoa é servidor público. Por isso não tem vinculo empregatício e tem o beneficio de levar para aposentadoria o tempo que passou no cargo comissionado e outras vantagens. O procurador disse que vai analisar a ação para ter analisar se é um caso de litigância de má fé. Se a moda pega vários outros vão ingressar com ações pedindo algo em torno de meio milhão de reais

Reabertura da Fafen e o trabalho de André Moura E o prefeito de Laranjeiras, Paulão Hagenbeck usou as redes sociais para fazer justiça ao hoje secretário do governo do RJ, André Moura, que desde o primeiro momento, no ano passado, se engajou na luta para que a Fafen não fosse fechada definitivamente. Já André Moura lembrou da luta dos parlamentares sergipanos e baianos para não fecharem as duas fábricas. ‘”Todas as cidades, não apenas Laranjeiras, que possuem a fábrica de fertilizantes, voltará à pujança gerando emprego, renda e movimentando a economia. É fundamental também agradecer a todos os parlamentares sergipanos e baianos que se uniram conosco a esta causa desde o início da nossa luta”, reforçou André.

São Cristóvão: mesmo sem mandato, coronel Rocha acompanha a luta dos pescadores e marisqueiras. Gestor inoperante O coronel Rocha, do Cidadania, vem mostrando que mesmo sem mandato tem uma preocupação grande com os pescadores e marisqueiros de São Cristóvão que tiveram seus trabalhos afetados com as manchas de óleo que chegaram aos rios e manguezais.

Informações na Adema e no MAPA Na Adema, o coronel Rocha esteve com o presidente Gilvan Dias, que vem tendo uma atuação forte neste problema e foi informado que esta semana o Ibama será informado das áreas em São Cristóvão onde os pescadores e marisqueiras atuam. Ele também conversou com o engenheiro agrônomo Haroldo Araújo Filho, Superintendente Federal da Agricultura do Ministério da Agricultura (MAPA), em Sergipe e foi informado que Medida Provisória autorizando a indenização aos pescadores já passou pelo MAPA e pelo Ministério da Cidadania e está em fase de conclusão pelo Ministério da Economia. É assim que se faz, in loco.

Morreu Laerte Fraga E faleceu no último fim de semana a atuante advogada sergipana. Ela foi sepultada no sábado, 23, no Cemitério Colina da Saudade, em Aracaju. Pelas redes sociais, o também advogado e escritor Luiz Eduardo Oliva prestou uma homenagem: “Natural de Itabaiana, Laete tinha uma personalidade forte, era corajosa, batalhadora. De origem humilde, mulher, negra, soube com determinação vencer todas as barreiras que a vida lhe apresentou, sobretudo a barreira do preconceito. A educação foi sua grande arma onde buscou a graduação em direito pela antiga Faculdade de Direito de Sergipe (depois seria incorporada à Universidade Federal de Sergipe) e logo Laete se transformaria na principal referência feminina da advocacia em Sergipe.”

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Expectativa na Emgetis De alguns servidores da empresa: “A Promotoria de Defesa do Patrimônio Público e Ordem Tributária do Ministério Público Estadual, sob responsabilidade do promotor Jarbas Adelino Santos Júnior, ouvirá nesta segunda-feira, 25, o presidente da Emgetis (Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação), Ézio Prata Faro, dentro de um inquérito civil que apura a autoconcessão, desde 2015, de pagamento irregular de adicional de prorrogação de expediente, benefício que deveria pela lei vigorar apenas para os empregados efetivos da autarquia, de forma exclusiva. Nos bastidores do MP/SE circula a informação que Ézio Prata Faro poderá ser obrigado a devolver cerca de R$ 500 mil aos cofres estaduais. O próprio governo, através de decreto de Belivaldo Chagas, já havia cancelado o pagamento do “benefício” tanto ao presidente quanto aos demais membros da diretoria de Emgetis por considerá-lo ilegal. A situação se agravou depois que servidores insatisfeitos com a gestão do engenheiro civil à frente de uma empresa de tecnologia denunciaram o recebimento de horas extras sem lastro legal.”

Fanese não entrega diplomas e culpa a UFS pelo atraso De um aluno da Fanese: “’Estou em um dilema com a Faculdade Fanese referente à entrega de diplomas. Dei entrada na solicitação do meu, na data de 05/09/2018, e até o exato momento não estou com ele em mãos. Tenho feito uma verdadeira peregrinação para recebê-lo, já fui pessoalmente e diversas vezes tenho ligado para saber se já chegou. E pasmem? Ainda não tem previsão de entrega! Segundo a Faculdade, a liberação está dependendo da Universidade Federal de Sergipe, mas como a UFS ultimamente tem outras “prioridades” que não seja a liberação dos diplomas das instituições particulares, é “compreensivo”. Suponhamos que eu estivesse na iminência de tomar posse em cargo público, não seria possível, já que precisa do diploma para comprovação. Além disso, tenho perdido vantagens pecuárias referentes ao trabalho que exerço. Se possível, publique, pois não estará ajudando apenas a mim, mas a tantos outros que estão na mesma situação que eu.”’

O MMA em Sergipe. Por Antônio Samarone

Sergipe já foi um importante centro de MMA (mixed martial arts), Wrestling, Luta Livre, Vale Tudo. Na década de 1970, o Clube do Trabalhador recebeu lutas memoráveis, com grandes públicos.

Inspirados pelo telecatch, no ídolo Ted Boy Marino, Sergipe teve grandes lutadores:
Marreta, Fidelão, Demônio do Ringue, Valdemar Santana, Hilário Silva, Tatuzinho, Carcará, Gavião Negro, Gato Selvagem, Tamanduá, Tarzan Carioca, Pantera Negra, João Selvagem, Tonis Queti, Carneiro Branco, Fera Negra, Asa do Cão, Miguel, o Vingador, Topada, Carlinhos e Raimundo Compensado. (fonte: Joel Batalha)

O professor Jairo Moura foi mestre do Jiu-Jítsu sergipano. Cearense de nascimento. Chegou à Aracaju em 1968, tornando-se um sergipano benemérito. Foi uma lenda da luta em Sergipe.
A disputa entre Marreta X Tatuzinho, era um clássico da luta livre em Sergipe.

Eu morava em Itabaiana, mas não perdia as transmissões feitas por Silva Lima, um grande incentivador desse esporte. Só Silva Lima sabia irradiar lutas, uma preciosidade.
Sergipe ainda possui grandes nomes no MMA: Kleber Orgulho e Yuri Andrey, são dois exemplos de sucesso.

PELO E-MAIL E FACEBOOK 

Nota Pública AMASE

A respeito de notícia jornalística veiculada pelo radialista Alex Henrique, na Rádio Capital do Agreste, no dia 22 de novembro corrente, referente a decisão judicial exarada pela Juíza Titular da 2ª Vara Cível da Comarca de Itabaiana, SE, determinando a anulação da eleição para a presidência da Câmara Municipal de Vereadores daquele Município, a AMASE – Associação dos Magistrados de Sergipe registra que dito pronunciamento judicial fora emitido no exercício do convencimento motivado da magistrada, com base nos princípios e comandos constantes na Constituição Federal/1988 e na legislação infra-constitucional vigente.

É lamentável, para além de tudo, a incompreensão real do termo liberdade de imprensa e o seu uso fora dos limites constitucionais, atingindo a imagem e honorabilidade das pessoas, mormente aquelas que tão somente desempenham de forma legítima o seu mister, potencializando-se a censura quando provém de alguém que se apresenta como profissional da comunicação.

A AMASE posiciona-se pelo respeito ao imparcial exercício da atividade judicante, reafirmando o compromisso de cada um de seus magistrados e, em especial, da magistrada competente para dita demanda, bem como na preservação das prerrogativas do Poder Judiciário.
Ao mesmo tempo em que prestará à sua associada o apoio necessário, inclusive tomando as medidas judiciais cabíveis, repudiamos veementemente qualquer tentativa de turbar a independência dos membros do Poder Judiciário do Estado de Sergipe no exercício da elevada missão de distribuir justiça.

Qualquer tentativa de pressionar a magistratura não se coaduna com a manutenção e estabilidade da democracia, pelo que merecerá (e receberá) reação forte e imediata em todas as esferas legítimas de proteção das prerrogativas dos magistrados sergipanos!

Gustavo Adolfo Plech Pereira
Presidente da Associação de Magistrados de Sergipe

 

PELO TWITTER

www.twitter.com/jgprates Deus ajuda. Quem cedo madruga – e luta contra o fascismo. Bom dia!

www.twitter.com/FernandoHoliday Não existe consciência negra. Existe a consciência humana de que somos todos iguais. Há anos repito essa frase, e continuarei a repetir enquanto essa data existir.

www.twitter.com/GeorgMarques O governo Bolsonaro retomou o pagamento de emendas parlamentares. A prioridade p/ 2019 é concluir a liquidação de R$ 10 milhões a cada parlamentar. Mas tem gente insatisfeita, tendo em vista que a promessa do Planalto por voto na Previdência era de R$ 20 milhões por deputado.

 

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

 

Frase do Dia
“Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? Quando te levantarás do teu sono?” (Provérbios 6-9).

 

Ao eterno professor flamenguista da cepa Se cada flamenguista fosse perguntando, depois do Bicampeonato de ontem, 23, da Copa Liberdades e o Campeonato Brasileiro antecipado, a quem homenagearia dos flamenguistas que já deixaram este plano espiritual, o titular deste espaço dedicaria ao amigo e professor (lecionava OSPB) que conheceu em 1980, no Colégio Visão. Certamente a estrela dele brilhou mais forte ontem. Era um flamenguista arretado e da cepa! A foto é do Instituto Marcelo Déda.
Comentários