Xokó, 30 anos depois

0

A Ilha de São Pedro, em Porto da Folha, está em festa. Nesta quarta-feira, fazem 30 anos da retomada daquela área em favor dos descendentes dos índios Xokó. Para comemorar a data, estão previstas diversas atividades culturais envolvendo a comunidade local, estudiosos, lideranças políticas e religiosas. A luta pela ilha teve o apoio decisivo da Igreja Católica, através do bispo dom José Brandão de Castro e de jovens lideranças políticas, além de estudantes e professores da Universidade Federal de Sergipe. Os descendentes dos Xokó são a última referência viva dos milhares de índios que povoavam o território sergipano e que foram dizimados pela ganância e brutalidade do homem branco.  

 

Mais emprego

 

Depois de a produção industrial confirmar a recuperação pelo sétimo mês consecutivo, com 2,2% de alta de julho em comparação com junho, o IBGE apresentou novo indicador positivo que mostra que o pior da crise já passou. O nível de emprego na indústria nacional – depois de nove meses de queda – cresceu 0,4% na comparação de julho com junho, que caiu 0,1% ante maio. Apesar da leve melhora, a comparação com mesmo mês no ano anterior ainda tem queda de 7%, o que configura a oitava baixa consecutiva.

 

Educação difícil

 

Um relatório divulgado nesta terça-feira pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) indica que no Brasil apenas 10% da população jovem – entre 25 e 34 anos – concluem o ensino superior. Matéria assinada pela colega Kátia Susanna no Portal Infonet revela um dado ainda mais sério: quase metade da população de Poço Redondo é analfabeta. Com base em estudo realizado pela doutora em educação da Universidade Federal de Sergipe, Sônia Meire, a reportagem mostra que situação naquele município sergipano é muito séria, pois 46,9% de jovens e adultos com idade a partir dos 15 anos não sabem ler nem escrever.

 

Os falcões agradecem

 

O governo de Sergipe demonstrou interesse em apoiar as atividades no Parque dos Falcões, localizado em Itabaiana. Ontem, o secretário Jorge Santana, do Dessenvolvimento Econômico Ciência e Tecnologia, visitou o local e anotou as dificuldades do Parque e prometeu saná-las. Mais de 200 aves, algumas consideradas em extinção, convivem hoje no local. São corujas raras, gaviões, falcões e diversos pássaros que se destacam pela beleza e características próprias. No local, as aves são criadas com autorização do Ibama e mantidas através de doações e de voluntários.

 

Novos equipamentos

 

A Deso adquiriu duas máquinas retroescavadeiras, um trator equipado com roçadeira e dois caminhões, com capacidade para 17 e 9 toneladas. Segundo o presidente da estatal, engenheiro Max Maia Montalvão, a aquisição dos veículos significou um investimento de R$ 800 mil, que se soma a outros feitos desde o início de 2008 para melhorar ainda mais a qualidade dos serviços prestados aos sergipanos e oferecer melhores condições de trabalho aos funcionários da Companhia. A aquisição das duas retroescavadeiras vai agilizar as ações desenvolvidas pelas Regionais no interior de Sergipe.

 

Luto

 

A família e amigos da senhora Maria Amélia Amaral Carvalho choram o seu falecimento ocorrido ontem, em Aracaju. O sepultamento está marcado para hoje no Cemitério Colina da Saudade. Os sentimentos da coluna aos familiares.

 

Menos borrachudos

 

Consumidores de Sergipe e do Rio Grande do Norte foram os que mais honraram os cheques que passaram em agosto deste ano. Pesquisa divulgada ontem pela TeleCheque mostra que, a cada cem folhas emitidas, 99,04 e 98,79 foram compensadas, respectivamente. Na média Brasil, a taxa foi de 97,67%. De janeiro a agosto deste ano, houve elevação de 14,5% no volume de cheques sem fundo a cada mil compensados, na comparação com o mesmo período do ano anterior. Alegra saber que os sergipanos estão bem na fita.

 

Consumidor otimista

 

Para 56,6% dos brasileiros, a renda mensal aumentará nos próximos seis meses. Isso é o que indica a 98ª Pesquisa CNT/Sensus, divulgada ontem. Esse índice é 3,2 pontos percentuais maior que o da pesquisa anterior, publicada em maio, quando registrou 53,4%. A consulta mostra também que 29,4% das pessoas esperam que a renda permaneça igual no próximo semestre. Outros 9,3% estão mais pessimistas e acreditam que os rendimentos vão cair nos próximos seis meses.

 

Moda em debate

 

Quais são as cores, modelos e estilos que serão mais utilizados na estação mais quente do ano? Os empreendedores de Lagarto e municípios circunvizinhos terão acesso a essas informações graças à palestra “O que não pode faltar em sua vitrine de Verão”, que será proferida pela designer Erica Javarone. Ela é especialista no ramo de calçados, confecções e artesanato. A palestra será realizada na Secretaria de Educação de Lagarto às 19 horas do próximo dia 15. Prestigie!

 

Sorte milionária

 

O concurso da Mega-Sena vai ser sorteado hoje, com prêmio acumulado em R$ 5 milhões. Já a Lotomania contribui nesta quarta-feira com mais R$ 4 milhões para a festa dos apostadores que também podem tentar a sorte na Loteria Federal e tentar abiscoitar o primeiro prêmio de R$ 600 mil. O dinheiro da Mega-Sena é suficiente para comprar uma frota de 238 carros ou 853 motocicletas, mas, se o possível ganhador quiser mesmo investir, o prêmio renderia R$ 25 mil por mês, se guardado na poupança. Também seria possível comprar 35 imóveis de classe média para alugar. Boa sorte!

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários