Aberta consulta pública sobre reordenamento de casas de acolhimento em Sergipe

0

Foto Gabriela Amorim (Arquivo Portal Infonet)
Está aberta para consulta pública, a proposta de reordenamento das instituições de acolhimento para crianças e adolescentes do estado de Sergipe. O documento foi elaborado por uma comissão constituída por representantes da Secretaria de Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social (SEIDES); Fundação Renascer; Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA) e Conselho Estadual de Assistência Social (CEAS).

A proposta passou por uma Comissão Intergestora Bipartite (CIB), formada por gestores municipais e estaduais da Assistência Social, que deliberou a abertura da consulta pública até o dia 25 deste mês. As propostas e o texto atual estão disponíveis através deste endereço, no site da SEIDES.

O objetivo da consulta pública é diagnosticar as instituições de abrigamento na capital e interior do estado, mapeando o raio de atuação e montando um plano de propostas e ações. Outro ponto chave é a consolidação do reordenamento do serviço com os municípios e as instituições de acolhimento. Também está prevista a realização de capacitação da equipe técnica das instituições e dos conselheiros municipais de direitos e tutelares para repassar orientações úteis à construção do projeto político-pedagógico.

Sobre a proposta 
Para a elaboração do documento foram visitados 20 casas de acolhimento no período de maio a junho de 2010, sendo 10 na capital e 10 no interior do estado, e identificados 285 crianças e adolescentes acolhidos. Para o estudo, foi priorizada na análise dos dados a origem, capacidade instalada, números de atendimento, gestão e a fonte de financiamento da unidade, além da faixa etária e sexo dos atendidos em casa local.

Fonte: Instituto Recriando

Comentários