Agências lotadas no retorno dos trabalhos da Caixa

0

Muitos clientes na agência da avenida João Pessoa (Foto: Portal Infonet)
Após 28 dias de paralisação, os funcionários da Caixa Econômica Federal (CEF) retornaram ao trabalho em oito estados, incluindo Sergipe. Nesta quinta-feira, 22, as agências do banco em Aracaju estavam lotadas de clientes irritados com a espera, mas ao mesmo tempo, aliviados com a suspensão da greve.

Para a microempresária Valdirene Fonseca, a paralisação dos servidores do banco foi muito longa e atrapalhou sua vida. “A gente entende que a profissão de bancário não é fácil, que quem está entrando no mercado ganha pouco, mas acho que eles poderiam ter se manifestado deixando ao menos metade trabalhando e outra no movimento”, opina.

Ela complementa que teve um prejuízo de R$ 900, aproximadamente, e que não pôde apelar a outras saídas, pois a Caixa é a única instituição bancária que possui conta. “As casas lotéricas até salvam a gente, mas alguns serviços ainda são muito limitados”, comenta Valdirene. “Mas agora como acabou [a greve] os clientes ficam aliviados”, diz.

Segundo uma nota oficial da Caixa Econômica Federal enviada à imprensa, o retorno dos trabalhos nas agências na maior parte do país ocorreu após uma negociação positiva com a categoria. A informação não bate com a fornecida pelo Sindicato dos Bancários de Sergipe, que afirmou que os bancários não aceitaram a proposta de reajuste, mas que retornaram ao batente sob recomendação do conselho nacional.

Os funcionários do Banco do Estado de Sergipe (Banese) e do Banco do Nordeste continuam de braços cruzados.

Comentários