Assistência Social desmente distribuição de marmitas estragadas

0
A nota de esclarecimento foi publicadas nas redes sociais do órgão (Foto: Assistência Social de Aracaju)

A Secretaria Municipal da Assistência Social de Aracaju divulgou uma nota de esclarecimento nesta sexta-feira, 23, após ter circulado a informação de que o órgão teria distribuído marmitas com alimentos estragados às pessoas em situação de rua que são acolhidas nos abrigos temporários Freitas Brandão e Terezinha Meira, neste tempo de pandemia.

A secretaria informou que a equipe de nutrição da Gerência de Segurança Alimentar e Nutricional adota rigoroso processo de controle de segurança alimentar junto aos fornecedores Restaurante Padre Pedro e empresa Alexandria, inclusive acompanhando a confecção das marmitas e a sua distribuição.

De acordo com a Assistência Social de Aracaju, o órgão segue rigidamente as orientações quanto ao processo de embalo das 3.256 refeições fornecidas mensalmente pelas empresas citadas, eliminando qualquer risco de irregularidades. A secretaria também salientou que realiza um trabalho de conscientização sobre o consumo dos alimentos fornecidos. “A administração municipal ressalta ainda que tem realizado um trabalho de conscientização da equipe nutricional junto aos usuários quanto ao consumo e armazenamento da alimentação, uma vez que são alimentos que devem ser consumidos imediatamente por serem perecíveis”, cita a nota.

Com informações da Secretaria Municipal da Assistência Social de Aracaju

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais