Ativistas ambientais protestam na Prefeitura contra corte de árvores

0

Quase que de forma simultânea à coletiva de imprensa da Prefeitura pra dar mais detalhes sobre a obra na Hermes Fontes, ativistas ambientais estiveram na sede da Prefeitura realizando um protesto contra a supressão de mais de 250 árvores como consequência da obra. Os ativistas disseram que não têm conseguido acesso ao projeto da obra e que o mesmo foi anunciado sem um debate público envolvendo as mudanças ambientais da obra.

Confira a reportagem completa no vídeo:

PMA

Durante a coletiva de imprensa, a Prefeitura afirmou que a compensação reunirá plantio de 550 árvores do tipo Jacarandá e espécies de Ipês. O secretário municipal de Meio Ambiente, Alan Lemos, também classificou como insignificante os impactos que o corte de árvores provocará na capital sergipana. Para ele, o resultado será sentido de forma considerável apenas por quem trafega na área. “A quantia de árvores suprimidas, do ponto de vista de calor para a cidade, é insignificante, pois é muito pequena frente a quantidade de árvores disponíveis. O grande impacto é cênico e de sombras para quem trafega na área”, respondeu Alan Lemos, que comparou o dano às obras realizadas no trânsito. “Indubitavelmente, no curto prazo da obra vai haver um prejuízo, não há como plantar árvores da mesma forma e do mesmo tamanho de maneira imediata. É algo passageiro e comparável ao que ocorre no trânsito durante a evolução da frente de serviço.

Comentários