Atropelamento no Luzia: condutor é condenado a 12 anos de prisão

0
Julgamento ocorreu nesta segunda-feira 11 (Foto: arquivo Portal Infonet)

O homem identificado como Enersson Miller dos Santos, condutor do veículo que atropelou e matou Moisés Bispo dos Santos, foi condenado a 12 anos de prisão. O julgamento iniciado na manhã desta segunda-feira, 11, foi concluído por volta das 20h.

Enersson Miller foi condenado a 12 anos de prisão por homicídio duplamente qualificado e um ano de prisão por conduzir o veículo embriagado e sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ele obteve o direito de recorrer em liberdade e a defesa já ajuizou recurso, pedindo que um novo júri popular seja realizado.

Relembre

O fato ocorreu no dia 9 de maio de 2014, no bairro Luzia. Moisés Bispo foi atingido pelo veículo conduzido por Enersson no bairro Luzia. O acusado foi autuado em flagrante tanto no acidente quanto por conduzir o carro sob efeito de álcool. Ele foi preso e acabou sendo liberado após pagar fiança.

A família alegou que Enersson tinha ciúmes de Moisés porque ele já havia sido casado e tinha um filho com a sua atual esposa. Já a defesa declarou que Enersson não intenção de provocar morte e que por coincidência e ironia do destino, ele causou um acidente na qual a vítima foi Moisés.

O Ministério Público pediu a condenação por homicídio qualificado, argumentando que o réu utilizou o automóvel como meio cruel e que isso impossibilitou a defesa da vítima.

por Verlane Estácio

A matéria foi alterada às 21h08 para acréscimo de informação. 

 

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais