BB assegura que incêndios em agências bancárias foram criminosos

0
Incêndio atingiu duas agências em Aracaju (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O Banco do Brasil considera como criminosos os incêndios registrados nas duas agências bancárias ocorridos na noite da sexta-feira, 19, em Aracaju. Em resposta ao Portal Infonet, a assessoria de imprensa do BB informou que as imagens do circuito interno de segurança registram o momento em que um homem ateia o fogo nas duas agências e suspeita que os dois incêndios foram realizados pela mesma pessoa.

“Diante das imagens do circuito de segurança, suspeita-se que a mesma pessoa tenha cometido o delito nas dependências, inclusive em ocasiões anteriores”, destaca a assessoria de imprensa do banco, na nota enviada ao Portal Infonet. O Banco do Brasil pediu investigação. A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) informou que as investigações estão sendo realizadas pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) e que a Polícia Civil já solicitou as imagens captadas pelo circuito de segurança interna.

Conforme a assessoria de imprensa do Banco do Brasil, a instituição está colaborando com o processo de investigação, mas não antecipa detalhes, que só poderão ser fornecido pela SSP. De acordo com o BB, a agência da Coroa do Meio está funcionando, mas apenas dois caixas estão em condição de uso. Os demais foram danificados com o incêndio.

Já a agência do bairro Jardins permanece fechada. O retorno das atividades naquela agência depende das análises que estão sendo realizadas pelas áreas gestoras.

por Cassia Santana

Comentários