Busca por emprego na pandemia: especialista fala sobre adaptações

0
Caroline Campos, especialista em Gestão de Pessoas

Em tempos de restrições ocasionadas pela pandemia, a busca pela recolocação profissional vem acompanhada da necessidade de se readaptar. De acordo com a especialista em gestão de pessoas, Caroline Campos, se adequar ao cenário que estamos vivendo, pensar em investimentos pessoais e focar na elaboração de um bom documento de apresentação são critérios que estão sendo ainda mais exigidos por empregadores.

Para quem busca uma oportunidade profissional, Caroline reforça a importância de entender como funciona o ‘combo’ fundamental por trás desse processo. “Tudo tem acontecido em caráter home office e temporário, então você precisa de tecnologia associada ao investimento que você faz em você e às conexões que você está gerando para que esse círculo possa girar”, explica.

Também é preciso redobrar a atenção quanto à organização durante envios de currículos por e-mail, considerando o período de isolamento social. Para isso, a profissional ressalta que é importante valorizar itens como o título do e-mail, o corpo do texto, a assinatura e, inclusive, o modo como você nomeia  o seu e-mail profissional. “Para enviar o currículo, diante deste momento em que não podemos ter uma calorosidade humana, coloque quem é você ali com respeito e cautela”, orienta.

Tecnologia e entrevistas remotas

Outro investimento de extrema importância no cenário atual é o domínio de tecnologias em situações que vão desde a necessidade de entrevistas remotas às vagas que estão sendo desenvolvidas por meio do home office. Pensando nisso, é essencial conhecer, buscar e investigar todas as informações disponíveis sobre a vaga em questão e seus empregadores. “Sugue o máximo que você puder de forma gratuita ou paga para o seu processo de domínio de tecnologia, ferramentas e sistemas, porque a tecnologia está aí e não vai embora”, aconselha Caroline.

Em situações que necessitam de entrevistas onlines, a especialista traz algumas dicas fundamentais para quem enfrenta a situação pela primeira vez ou ainda está se adaptando ao contato virtual:

– Organize seu ambiente

– Se preocupe com sua vestimenta da mesma forma que se preocuparia numa entrevista presencial.

– Reduza o máximo possível do barulho no local em que você está

– Regule seu fone de ouvido e confira a qualidade do áudio

– Tenha seus materiais disponíveis para te assessorar caso seja preciso comprovar alguma habilidade

Caroline ressalta ainda a importância de buscar informações sobre a empresa que oferece a vaga, utilizando as redes ao seu favor. “Não é só a empresa que está investigando e buscando o candidato. É fundamental buscar fontes para se certificar de que aquelas pessoas podem entrar na sua casa”, afirma.

Mantenha o seu networking ativo

Fazer contatos e gerar conexões são as dicas para estar sempre envolvido com situações, assuntos e materiais da sua área de formação ou que possam contribuir para tal. Mas, segundo Caroline, para manter o networking ativo é preciso compreender que esse tipo de rede vai muito além de indicações aleatórias.

“O networking não é o que estamos acostumados a entender como o processo de ‘QI’, mas o processo em que profissionais que já trabalharam ou que viram seu trabalho ou que já foram recomendados por você conhecem, defendem seu trabalho e o recomendam com base no que já conhecem dos seus resultados”, alerta a especialista.

Atualize o seu currículo frequentemente

“O correto é de acordo com aquilo que você está se candidatando. O currículo tem vida e precisa sofrer alterações principalmente na parte de objetivos e cursos, que precisam estar coerentes e direcionados àquela área que você está se candidatando”, reforça.

Itens que não podem faltar:

– Objetivo
– Ordem cronológica de escolaridade e experiências
– Habilidades em informações complementares
– Projetos voluntariados

Itens que devem ser evitados:

– Foto
– Dados pessoais
– Endereços
– Modelos chamativos/exagerados

Por fim, entender que sem investimento não haverá retorno é estratégia que colabora diretamente com os resultados que você tende a alcançar. A elaboração de um currículo pode te trazer o emprego dos sonhos,  quando acompanhada por investimentos financeiros e emocionais que pedem tempo e renúncia.

“Talvez o pensamento de ‘investir em você’ ainda seja algo distante para quem acredita que as vagas surgirão por conta própria e isso pode ser prejudicial na busca por emprego”, conclui Caroline, ressaltando a importância de pensar estrategicamente e priorizar a valorização pessoal na busca por um emprego.

Em seu canal no Youtube, a especialista divulga dicas sobre recolocação profissional, mercado de trabalho e relações profissionais, além de  um e-book gratuito para elaboração de currículos que estará disponível em breve.

por Juliana Melo e Raquel Almeida

Comentários