Canal do Costa do Sol acumula lixo

0

Limpeza já foi feita na metade do canal (Foto: Portal Infonet)
O acúmulo de lixo em torno do canal do conjunto Costa do Sol, localizado na avenida Melício Machado, zona de expansão da capital, está sendo retirado desde o início da semana passada. O canal, que possiu uma vazão pequena segundo especialista, não suporta o fluxo de água com a chegada das chuvas.

A limpeza esta sendo feita por uma equipe de 10 trabalhadores fiscalizados pela Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb). De acordo com informações do fiscal Sérgio Fonseca Martins, praticamente toda extensão do canal estava tomada por uma vegetação que cresce cerca de 3 metros. “Quando chegamos aqui não dava para enxergar a água, pois todo o canal tava tomado pela vegetação.

Parte do canal está coberta de vegetação(Portal Infonet)
Até o momento conseguimos desobstruir grande parte do canal, e acredito que até quarta-feira [15] a gente consiga concluir”, diz.

Sérgio ainda pontuou que a maior dificuldade encontrada pela equipe é a retirada de lixo, que é jogado pela população. “É impressionante a quantidade de lixo que encontramos dentro dos canais que trabalhamos diariamente, no entanto, o que chama a minha atenção é o tipo de lixo que encontramos aqui”, ressalta.

Segundo o fiscal são encontrados resto de móveis, panos e madeiras. “Esse lixo vai se acumulando dentro dos canais e com a quantidade de folhas que nascem naturalmente impedi 90% da passagem da água”, menciona.

A população deve colaborar e não jogar lixo na rua (Foto: Portal Infonet)
O fiscal observa que a população deve ficar atenta e não jogar o lixo na rua. “Esse tipo de lixo não vem parar aqui de maneira natural, as pessoas é que jogam aqui. O resultado de tanto lixo acumulado nas valas é o alagamento de casas, já que a água não circula”, pontua.

Até o momento, as equipes que trabalham no local já conseguiram retirar do canal mais de três caçambas de lixo. “Juntando essa vegetação que está sendo retirada de toda a extensão do canal já carregamos mais de três caçambas de lixo e os trabalhos continuam neste final de semana”, informa.

Por Alcione Martins e Kátia Susanna

Comentários