Corpo carbonizado é encontrado em Estância

0

João Leanderson desapareceu dia 6 de janeiro(Fotos: Portal Infonet)
Mãe reconhece corpo carbonizado como sendo do seu filho desaparecido desde o último de 6 de janeiro no município de Santa Luzia do Itanhy, interior sergipano.

O corpo foi encontrado no início da tarde desta quarta-feira, 26, no povoado Rio Fundo III. De acordo com as informações da polícia técnica, pelas evidências encontradas, o corpo teria sido carbonizado a cerca de 15 dias.

Desaparecimento

Cosmerina dos Reis Santos, contou a reportagem do Portal Infonet que seu filho, João Leanderson dos Reis Santos de 16 anos estava na companhia de um amigo identificado como  Paulo Henrique dos Santos, quando foram detidos por policiais militares e levados até a Delegacia do município. “Eles levaram os meninos para Delegacia e depois disso os dois desapareceram e nunca retornaram

Mãe chora ao reconhecer corpo do filho no IML
para casa. A polícia diz que eles foram abordados, e liberados logo em seguida, mas eles nunca mais voltaram”, relata a mãe.

De acordo com Cosmerina, na delegacia apenas ficaram a moto e um chapéu que estava sendo usado por um dos dois garotos. “No dia que estive lá disseram que só tinha o chapéu do meu filho. A moto foi devolvida ao dono, pois eles haviam alugado. E hoje ele é encontrado morto, com dois tiros na cabeça, todo quebrado e queimado. Meu Deus que Justiça é essa?”, lamentava, visivelmente abalada, a mãe de João.

Exame

A mãe ainda informou que irá fazer o exame de DNA para que fique realmente comprovado que o corpo é do seu filho. “Eu sou mãe e sinto. Tenho certeza que é ele, pelo formato do crânio e do rosto. Eu sonhei com a morte dele. No meu sonho eu via os policiais atirando na cabeça dele e quebrando a boca, agora venho aqui e vejo que ele levou dois tiros na cabeça e está com os dentes todos quebrados” relata aos prantos a mãe.

João Henrique estava junto com João Leanderson (Foto:Portal Infonet)
Delegado

De acordo com o delegado regional de Estância, Marcelo Hercos, junto com o corpo foi encontrado um par de sandálias. “A perícia constatou que se trata de um adolescente. O corpo estava completamente queimado sob alguns pneus e certamente há alguns dias”, explica.

O delegado também informou que está investigando o desaparecimento dos dois jovens. “Eu estou trabalhando neste caso e investigando o desaparecimento. Inclusive quem avisou a mãe que esse corpo havia sido encontrado fomos nós. Ainda vamos conversar com a mãe e mostrar a sandália para ela, mas até o momento não podemos afirmar nada”, esclarece Marcelo Hercos.

Por Alcione Martins

Comentários