Dia de campo nesta terça aborda a cultura da mandioca

0

Nesta terça-feira, 27, produtores rurais terão a oportunidade de ver a demonstração de 35 materiais de mandioca, entre híbridos e variedades, aos 16 meses de plantio. Formas de cultivo, colheita, produtividade são algumas das informações que serão repassadas aos produtores com o intuito de mostrar materiais mais resistentes e produtivos. O dia de campo tem início às 9h no campo experimental da Embrapa Tabuleiros Costeiros, em Umbaúba.

 

Entre os materiais estão as variedades Jarina e Poti Branca, lançadas em junho para a região centro-sul de Sergipe e norte da Bahia, e a Kiriris, que é tolerante à podridão de raiz, uma das piores doenças que ataca a cultura da mandioca. Os participantes também conhecerão a câmara de propagação rápida para produção de mudas de mandioca.

 

No estado são cultivados 32 mil hectares com mandioca, sendo a ‘caravela’ predominante. Esta variedade é altamente suscetível à podridão da raiz, e conseqüentemente, diminui o rendimento da cultura. Em Sergipe, estão sendo testados diversos híbridos e variedades provenientes do Programa de Melhoramento da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical em estreita articulação com a Embrapa Tabuleiros Costeiros.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais