Famílias do Itacanema fazem protesto na prefeitura

0
Os ocupantes ficaram durante toda manhã em frente à prefeitura (Foto: Portal Infonet)

Os ocupantes dos imóveis do Conjunto Itacanema, em Nossa Senhora do Socorro realizaram um ato de protesto na manhã desta terça-feira, 12, em frente à Prefeitura do município. Os ocupantes não querem deixar as casas, mesmo com a decisão judicial.

As casas ocupadas há um mês não possuem saneamento básico, energia elétrica e ainda falta reparos básicos. A obra já foi abandonada por três construtoras, segundo informações da prefeitura e por isso não foi entregue as famílias cadastradas.

Segundo o representante dos moradores, Yanko Waealan, as casas estavam abandonadas há seis anos. “Durante reunião a prefeitura disse que não há prazo para conclusão da obra e como fica a nossa situação?”, questiona. Ainda segundo o representante, mais de 200 famílias estão ocupando as casas mesmo sem a finalização na obra.

Representantes da prefeitura se reuniram com ocupantes

Os ocupantes também reclamam que não é oferecido nenhum auxílio-moradia aos moradores. “Não recebemos nenhum auxílio e, além disso, as famílias não estão cadastradas. Queremos dialogar para que essas famílias não fiquem desamparadas”, afirma Yanko.

Prefeitura

A assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Aracaju informou que houve uma reunião com os moradores onde foi explicado porque as casas não foram entregues e a necessidades da desocupação das casas. “As casas precisam ser desocupadas para que possamos fazer uma avaliação das condições das casas e continuar o processo de licitação que está parado por causa da ocupação”, explica o secretário Henrique Matos.

Ainda segundo a assessoria, na primeira reunião com os moradores foi  proposto a inclusão das famílias no cadastro, mas os ocupantes recusaram. Como a prefeitura já entrou na justiça não é possível a inclusão neste momento, mas caso haja a desocupação o assunto pode ser discutido.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais