Famílias estão insatisfeitas com reabertura de estrada

0

A poeira da estrada sem pavimentação prejudica moradores do povoado de Pedreiras (Fotos: Portal Infonet) 

Graziele fala que o local ficou fechado por moradores durante mais de dois meses 

Os moradores criaram o movimento Sem Asfalto, Sem Petróleo 

Júlio César fala que os moradores irão recorrer e voltar a fechar a estrada caso o local continue sem pavimento 

Os moradores do Povoado Pedreiras, em São Cristóvão, não estão nada satisfeitos com a decisão que a Justiça tomou de reabrir a estrada que dá passagem aos caminhões da Petrobras. A estrada estava fechada há mais de dois meses devido a uma manifestação dos moradores por pavimentação no local. A insatisfação fez com que os moradores se mobilizassem novamente a fim de voltar a fechar a passagem para a Petrobras.

Mais de mil pessoas fazem parte da Associação de Moradores do Povoado de Pedreiras, que é responsável pelo fechamento da estrada para os caminhões que prestam serviços à Petrobras. Eles criaram ainda o movimento “Sem Asfalto, Sem Petróleo”, que faz alusão ao pedido da população por pavimentação no local.

Graziele Freire falou que a estrada ficou fechada por dois meses e dezoito dias. “Nós deixávamos a população passar, só não passavam os caminhões da Petrobras”, disse. Ela explicou ainda que a associação tenta há cerca de seis meses um projeto com a Petrobras para asfaltar a região. “Estamos tentando há muito tempo, mas está complicado”, disse.

Júlio César também faz parte da associação e fala que a situação é difícil no local. Todo carro que passa aqui, todo caminhão, é uma poeira só. Mas a luta aqui é grande. E se a Petrobras não der o projeto, vamos dar um jeito de fechar aqui de novo. Eles estavam ficando doidinhos com isso aqui fechado, estava dando prejuízo”, falou o morador.

Petrobras

Através de uma nota, a Petrobras deu explicações sobre o episódio de reabertura da estrada e sobre a situação no povoado. Segue abaixo a nota na íntegra:

A Petrobras comunica que foi informada da decisão do Juiz de Direito da 1ª Vara Cível de São Cristóvão que determina que a Polícia Militar do Estado de Sergipe faça o desbloqueio da Estrada dos Manguezais (Pedreiras), que dá acesso ao campo de Ilha Pequena, em São Cristóvão (SE).

A companhia esclarece ainda que foram feitas várias tentativas de negociação com os moradores do Povoado Pedreiras, sem sucesso. Nessas reuniões estão sendo tomadas as medidas para a pavimentação da estrada municipal que interliga São Cristóvão ao Povoado Pedreiras.

Nesse sentido, o Governo do Estado de Sergipe, a Prefeitura Municipal de São Cristóvão e a companhia afirmaram acordo que prevê a realização da obra, com divisão proporcional de seus custos.

A Petrobras reafirma o compromisso não só com a segurança das comunidades próximas às suas instalações, como também com a preservação do meio ambiente. Os procedimentos adotados até o momento pela empresa estão de acordo com a política e as diretrizes corporativas, que evidenciam as relações sociais com as comunidades do entorno.

Por Helena Sader e Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais