Laboratório de DNA: instalação depende de material do Governo Federal

0
Laboratório de DNA ainda não foi inaugurado (Foto: SSP/SE)

A inauguração do Laboratório de DNA em Sergipe, inicialmente prevista para o mês de maio, só deve acontecer no fim do ano após a chegada de equipamentos e materiais oriundos do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), Sergipe recebeu quites para a coleta de material genético de 350 presos condenados por crimes hediondos em seis unidades penitenciárias diferentes, e aguarda a chegada de novos kits para o processamento e envio das amostras a Brasília, conforme prevê legislação federal que trata do Banco Nacional de Perfis Genéticos.

No entanto, a inauguração do Laboratório de DNA depende do envio, por parte do Governo Federal, de alguns equipamentos e materiais, como geladeira, capela de exaustão, luz forense, centrífugas, balança analítica. “Concluindo a coleta do material genético e recebendo os equipamentos que ainda faltam ser enviados pelo Governo Federal, deveremos concluir a composição dos nossos laboratórios e transferir para Aracaju, todas as coletas de DNA que já foram feitas”, explicou a SSP.

Laboratório de DNA

Sergipe aderiu à Rede Integrada de Banco de Perfis Genéticos em 16 de Janeiro de 2019, com o objetivo de coletar mostras de DNA de presos condenados por crimes violentos e que estão no sistema prisional. As informações serão compartilhadas entre órgãos de segurança de todo o país, visando acelerar investigações e apresentar provas irrefutáveis contra os devidos acusados.

A instalação do Laboratório de DNA vai auxiliar investigações e detectar a autoria de crimes praticados e que muitas vezes se baseiam apenas em depoimentos ou provas frágeis. A análise de DNA também será fundamental para identificar corpos, quando as outras estratégias de identificação, como a pelas digitais e arcada dentária, não forem suficientes para identificar uma pessoa vítima de morte violenta.

por Verlane Estácio
com informações da SSP/SE

Comentários