Morte de peixes no Jatobá foi provocada por falta de oxigênio na água

0
As análises foram concluídas e a Adema vai ficar acompanhando o caso(Foto: Adema)

A Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) concluiu a análise química da água captada de uma lagoa no Povoado Jatobá na município da Barra dos Coqueiros.  A análise foi motivada pela mortandade de peixes no local no final de janeiro. De acordo com o laudo técnico, as análises apresentam quantidade alta de bactérias e pouco oxigênio na água, o que compromete a vida marinha.

O resultado das análises apontam para decomposição da matéria orgânica presente, aumentando assim a quantidade de bactérias, o que reduz o oxigênio dissolvido a valor zero, comprometendo a vida aquática.

“O resultado não tem nenhuma conexão com os trabalhos exercido pela empresa no polígono analisado. Vale ressaltar que a empresa possui também licença e autorização ambiental para execução da obra por ela executada. A Adema continuará acompanhando as ações”, afirma Gilvan Dias, presidente da Adema.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais