Muitas greves ameaçam os aracajuanos

0

Quantas greves! Os fiscais de rendas do Estado estão ameaçando um movimento paredista, se não for reestabelecida uma gratificação por periculosidade que foi extinta há sete anos. Os auditores fiscais da Receita Federal também ameaçam paralisação. Já o movimento paredista dos motoristas e cobradores de ônibus também ameaça voltar à greve, caso as reivindicações por aumento não sejam atendida pelos patrões. Os profissionais do volante querem 10% de aumento, mas a contra-oferta chegou aos 8%. A exacerbação dos sindicalistas, portanto, caminha com força total.

Comentários