Mulher é violentada e espancada em Itabaiana

0

Edjane está com o rosto repleto de hematomas Foto: Portal Infonet
Mais uma violência contra a mulher é registrada no interior sergipano. Dessa vez o crime aconteceu na cidade de Itabaiana, distante 56 km da capital. Uma mulher de 44 anos foi espancada e violentada no último Domingo, 18.

A vítima Maria Edjane dos Santos, mãe de 4 filhos, contou em entrevista ao Portal Infonet que após sair da festa  da cidade, a Micarana, foi abordada por um homem já conhecido no local. “Ele mora perto e sempre tentou ter algo comigo. Dessa vez ele pensou que eu estava bêbada e partiu para me agredir”, relatou a mulher.

De acordo com Edjane, o homem identificado como Junior começou a agressão ao final da festa. “Eu já estava indo embora, porque a festa já tinha acabado ai ele veio atrás de mim e me levou para uma casa escura”, contou.

Vítima foi violentada e brutalmente agredida Foto: Portal Infonet
Junior teria abusado sexualmente da mulher e a espancado durante o ato sexual. “Ele me deu um monte de murro, fiquei com os olhos bem inchados e depois desmaiei. Lembro de alguns momentos em que enquanto me espancava arrancava minha roupa”, relatou emocionada a vítima.

Edjane contou que quando acordou estava com marcas de mordidas por todo o corpo e com dificuldade para enxergar, por conta das agressões, além de sangramento nas partes íntimas. “Fui para casa e quando olhei o meu rosto no espelho decidir procurar a polícia. Não podia ficar naquela situação e depois encontrar ele por ai mangando da minha cara”, desabafou.

De acordo com a vítima a polícia foi acionada e o homem detido em flagrante e encaminhado para a delegacia da mulher. Edjane foi orientada pela Delegada Juliana Guedes, a se dirigir até o Instituto Médico Legal (IML) em Aracaju para a realização de exames de

O acusado pelo estupro está preso Foto: SSP
corpo e delito e depois até a maternidade Nossa Senhora de Lourdes para realização de outros exames.

De acordo com a delegada, o homem foi identificado como José Júnior dos Santos, de 19 anos. A polícia já sabe que ele morava próximo a residência da vítima, no povoado Moita Formosa.

“A vítima procurou a delegacia pela manhã e imediatamente uma equipe se deslocou até a região onde o autor mora e lá o encontramos andando pelas ruas tranquilamente, como se nada tivesse feito”, contou Juliana.

A delegada ainda informou que inicialmente o acusado negou a autoria do crime. “Ele negou até ter visto a vítima no dia de ontem e ainda asseverou ter raiva de homens que batem em mulheres”, relata a delegada, ressaltando que durante o interrogatório Júnior confessou toda a prática, dizendo que espancou a senhora porque ela o xingou durante o estupro”, relatou Juliana Guedes.

O acusado está detido na Delegacia da Mulher na cidade de Itabaiana à disposição da justiça.

Por Alcione Martins e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais