Papai Noel, cadê a nota?

0

Este é o slogan da campanha de combate à sonegação da Sefaz (Secretaria de Estado da Fazenda). Com o aumento das vendas no final de ano, o Estado poderia aumentar sua arrecadação de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) em 50%. Já que o comerciante não dá a nota fiscal, o intuito é estimular os consumidores a pedirem o documento na compra de qualquer mercadoria.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais