Petroleiros em paralisação

0

A Federação Única dos Petroleiros realizou assembléia e decidiram paralisar os trabalhos em todo o país (exceto no Pará e em Minas Gerais) nos campos de produção e exploração de petróleo entre os dias 13 e 17 de novembro. Os petroleiros reivindicam reajuste de 9,21%, reposição de perdas salariais desde o início do Plano Real (acumulada em 39,75%) e aumento por produtividade de 13,85%. Os petroleiros garantem o abastecimento de produtos básicos à população, apesar da paralisação.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais