PF fecha empresa de internet clandestina

0

A PF realizou a operação na manhã desta quarta-feira (Fotos: Portal Infonet)
A Polícia Federal em Sergipe cumpre durante esta manhã dois mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal em um Condomínio localizado na zona sul de Aracaju, com o objetivo de fechar um provedor de Internet clandestino.

Um condomínio com 9 prédios e cerca de 180 apartamentos utilizava os serviços de um provedor de Internet instalado no mesmo local. Os moradores não tinham ciência da clandestinidade do serviço, pois o proprietário do serviço de Internet apresentava licença de funcionamento falsa da ANATEL.

Foram apreendidos roteadores, modens, computadores e

cabos. O proprietário da empresa de Internet responderá pelos crimes de desenvolver clandestinamente atividades de telecomunicação (rádio pirata), por uso de documento falso e por violação de lacre. O Inquérito Policial segue em segredo de justiça.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais