PIXELS

0

*** As fortes chuvas que caíram nos últimos dias na Capital sergipana deixaram as ruas mais esburacadas do que antes. Mas, felizmente não se registrou queda de casas em pé de morros.


*** O Presidente da Câmara do Comércio Lojista, Sr. Gilson Figueiredo, reconhece que os parquímetros melhoraram o fluxo do trânsito no centro da cidade. Só reclama do preço cobrado por uma hora: “Deveria ser de 0,50”, admite.


 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais