Plano Diretor foi discutido no Santa Maria e Siqueira Campos

0

Foto: Márcio Dantas
Políticas de desenvolvimento urbano, social, econômico, de transporte e meio ambiente foram os principais pontos discutidos na noite de ontem no Siqueira Campos e na última quarta-feira pela comunidade do bairro Santa Maria. As reuniões, que consistiram na votação de diretrizes do Plano Diretor, contaram com a participação expressiva de vários jovens.

 

O processo de revisão do Plano Diretor foi discutido, ontem à noite, com a comunidade do Distrito IV, que compreende os bairros América, Novo Paraíso, Capucho, Olaria, Siqueira Campos e José Conrado de Araújo. A reunião aconteceu na escola Carvalho Neto, na rua Rio Grande do Sul, 1351, no bairro Siqueira campos.  

 

A audiência pública promovida pela Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) reuniu dezenas de moradores. No Santa Maria, eles tiveram a oportunidade de relatar diversos problemas urbanísticos do bairro e, principalmente, de sugerir as mudanças que a comunidade defende serem necessárias para a implantação de uma política digna de moradia.

 

O Santa Maria é hoje um dos bairros mais problemáticos de Aracaju. No lugar falta infra-estrutura, as ruas não são calçadas e muitos trechos não oferecem condições de acesso para veículos. Os moradores também enfrentam problemas com o sistema de transportes que não atende a demanda.

 

“O transtorno vivido hoje pela comunidade é resultado da falta de planejamento urbano por parte do governo estadual, que construiu várias casas no bairro sem se preocupar em assegurar condições mínimas de habitabilidade”, relata Lúcia Falcón, secretária da Seplan.

 

CHANCE – Morador há quatro anos do bairro Santa Maria, o auxiliar administrativo Paulo José da Silva afirma que pela primeira vez na vida teve a chance de discutir o crescimento urbano de seu bairro. “É um fato histórico que precisa ser muito bem aproveitado por toda a população. Esse é o momento de marcar presença, de participar para que no futuro todos tenham um instrumento legal em mãos”, disse ele.

 

O QUE É – O Plano Diretor é uma Lei Municipal que deve ser elaborada com a participação da sociedade civil para organizar o crescimento e funcionamento da cidade. É um importante instrumento para a gestão do espaço da cidade, para a democratização do acesso aos serviços e equipamentos urbanos, para a preservação dos recursos naturais e para o fortalecimento potencial econômico do município.

A Lei do Plano Diretor define as diretrizes de ordenamento e controle do uso e da ocupação do espaço urbano, apontando o que deve ser protegido, estimulado ou proibido no que se refere ao crescimento da cidade.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais