Polícia ouve testemunhas da tentativa de feminicídio em condomínio

0
A Polícia está realizando diligências para prender André (Foto: Ascom SSP)

A Polícia Civil já começou a ouvir as testemunhas da tentativa de feminicídio ocorrido na última quinta-feira, 18, em um condomínio no Bairro Inácio Barbosa, em Aracaju.

De acordo com informações da assessoria de Comunicação da Secretaria de Segurança Pública (SSP), as pessoas que estavam no condomínio no momento do crime e os familiares de Lindinete Monteiro de Almeida, 38, e do seu filho de dois meses de idade, já prestaram depoimento.

A polícia ainda realiza diligências com o objetivo de prender André Mauro dos Santos, principal suspeito por efetuar disparos. O caso está sendo conduzido pela equipe da delegada Renata Aboim, do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV).

Entenda

Lindinete e seu filho de dois meses foram baleados na última quinta-feira, 18, em um condomínio de Aracaju. O principal suspeito é André Mauro, ex-companheiro da vítima. De acordo com a SSP, Lindinete esteve no DAGV no dia 3 de outubro. Na ocasião, foi representada uma medida protetiva e encaminhada à Justiça, para as devidas providências. No dia 4 de outubro, a Justiça concedeu a medida, que determinava que André Mauro dos Santos não se aproximasse da ex-mulher.

A polícia pede que caso a população tenha informações sobre o suspeito, que denuncie através do 181.

por Yago de Andrade

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais