Previsões para 2006

0

“Há um aumento expressivo essa época do ano”, diz Rejane Rios
É bem verdade que 2006 está batendo à porta. A três dias para a virada do ano, muitas pessoas recorrem a videntes, tarólogos, cartomantes, pais e mães de santo, a fim de antecipar o que lhes aguarda no novo ano. É por causa dessa curiosidade que esses profissionais estão com seus horários de “atendimento” lotados. “As pessoas chegam aqui querendo saber de tudo um pouco. Se vão arranjar emprego, achar sua alma gêmea, se a saúde vai bem, sobre seus familiares”, explica Rejane Rios, taróloga. Ela acrescenta dizendo que o ano que vem, é um ano eleitoral, e isso contribui e muito para que os horários encham, já que ela atende a muitos candidatos, querendo saber se irão ser eleitos. O Portal InfoNet foi até o local, onde Rios recebe seus clientes, para saber sobre as previsões de 2006. Confira abaixo o que ela previu.

 

“O governador tem que ter cuidado com a saúde”, alerta Rejane.

Eleições 2006 –  O pleito eleitoral de 2006 vai ser muito complicado. Várias coligações vão ser feitas, logo ninguém pode falar que “dessa água não beberei”, pelo menos até tudo ficar mais claro. Muita gente que não se fala, vai começar a se falar, gerando um sentimento de decepção por parte do povo. Pessoas que, nas eleições passadas, se degladiaram, deverão subir no mesmo palanque, de mãos dadas. Fatos inesperado vão vir à tona, dando um novo gás a política sergipana.

 

O novo governador do Estado tem que ser cauteloso, pois o povo está cansado. Novas figuras deverão surgir no cenário político, e vão conseguir se eleger. Serão essas pessoas que vão promover mudanças em Sergipe. As eleições de 2006 vão ser violentas, totalmente diferentes das passadas. Quando perguntada sobre de quem seria a vitória para governador, Rejane disse que vão surgir outras pessoas para disputarem o cargo.

 

“Todos os dois ( referindo-se a Déda e a João Alves) devem procurar melhorar verdadeiramente sua propaganda eleitoral, aproveitar o resto dos devidos mandatos para  conquistar eleitores”, disse ela.  Ela disse ainda que pode surgir uma terceira pessoa, que pode ameaçar os dois. Déda vai sofrer respingos de tudo que está acontecendo no governo Lula. E João Alves tem que parar de brincar com a saúde, de recorrer a paliativos. Ela disse que João deverá, ainda no primeiro semestre, ir para fora do Estado para tratar de sua saúde. Previu também que o problema que atormenta a vida do governador é nas regiões baixas, próstata, fígado e bexiga. Mas nada que o impeça de concorrer no pleito.  

 

Segundo a taróloga, Albano Franco não deverá sair candidato na próxima disputa. Mas ele é uma pessoa que tem muita força, exerce um carisma extraordinário sobre as pessoas. “O candidato que tiver o apoio de Albano Franco deve erguer as mãos pro céu”, disse Rios. Sobre a possível candidatura de Ricardo Franco pelo PSDB, disse que ele deve escolher com cuidado seus aliados, uns podem ajudar, outros atrapalhar. Disse ainda que as eleições de 2006 vão servir de trampolim para Ricardo se eleger nas próximas disputas, e não na de 2006. Que a disputa vai ser mesmo entre Déda e João. E quem vencer vai ser com uma pequena diferença, em relação ao segundo lugar. Quanto a reeleição da senadora Maria do Carmo Alves, Rejane disse que com certeza Sergipe terá Maria como sua representante no Senado mais uma vez.

 

Incêndio no prédio do INSS em Brasília – “Com toda certeza foi criminoso”, afirmou Rejane. Ela disse que mais ou menos quatro pessoas ou empresas foram as responsáveis pelo acontecido, e o fato vai ser esclarecido, ao contrário de muitas coisas que acontecem no Brasil, esse crime não vai acabar em pizza. Uma das pessoas envolvidas ocupa um cargo importantíssimo, ligada a algum Ministério.

 

Ponte Aracaju-Barra –  O Portal InfoNet perguntou a taróloga se a ponte Aracaju-Barra vai conseguir ser concluída.  Ela foi incisiva dizendo que a ponte vai sair do papel, que o empréstimo com o BNDES vai ser feito. Mas, que é preciso querer fazer algo de diferente, ao contrário vai ser uma ponte, que vai ligar um município a outro, apenas. Com relação ao benefício que a ponte irá trazer para o turismo, Rios disse que não mudará muita coisa. Por enquanto, nada de resorts e indústrias do outro lado do rio Sergipe. “Para atrair investidores, não é preciso construir uma simples ponte. O governo ainda vai ter que investir muito em infra-estrutura na Barra dos Coqueiros”, acrescenta ela.

 

Pré-Caju 2006 – As previsões para a maior prévia carnavalesca são as melhores possíveis. Rejane afirmou que a melhor coisa que aconteceu foi a volta do evento para a 13 de Julho. A volta do Pré-Caju para o bairro vai dar um novo gás à festa. E o melhor de tudo é que não só os grandes irão ganhar dinheiro, mas o pequeno também. Em se falando de violência, não se preocupe, pois, Rejane diz que vai ser tudo na base da paz. Há algum tempo, uma vidente previu que uma tragédia aconteceria na ponte que leva ao bairro Coroa do Meio. Mas, até agora, nada ocorreu. Sobre esse assunto, Rejane disse que é preciso tomar cuidado com a estrutura da ponte, mas que nada trágico irá acontecer.

 

Falecimentos – “Infelizmente vamos ter a perda de uma figura muito importante, um homem. É uma figura muito reconhecida em Aracaju. É carismático, amável, e que deverá vir a falecer no segundo semestre de 2006”, previu ela

 

Sergipe –  Economicamente, Sergipe sofrerá um golpe de sorte, um investimento vindo de um país europeu na área do turismo deverá levantar o Estado. Em compensação, a violência deverá estourar nos primeiros meses de 2006. Rejane Rios afirma que a pasta da Secretaria de Segurança Pública do Estado vai ter novo secretário. E que Sergipe só vai se ver livre da violência depois de junho.

 

InfoNet – A InfoNet vai ter um crescimento extraordinário em 2006. Cerca de três novos canais deverão dar novo ar ao Portal. “Uma mulher, já existente no quadro de funcionários da empresa, deverá ser a responsável pelo fortalecimento da InfoNet em 2006”, diz ela. Com relação ao Jornalismo do Portal, ela diz que haverá investimentos no setor. Os jornalistas do Portal vão ter mais meios de buscar a notícias onde ela estiver. A área fotográfica também irá crescer.

 

Por Diego Bittencourt

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais